Archive for 3 Junho, 2004

EURO 2004 (LI) – 2000

Grupo 6
Áustria – Israel . 1-1 / 0-5
Chipre – Espanha . 3-2 / 0-8
Chipre – Áustria . 0-3 / 1-3
S. Marino – Israel . 0-5 / 0-8
S. Marino – Áustria . 1-4 / 0-7
Israel – Espanha . 1-2 / 0-3
S. Marino – Chipre 0-1 / 0-4
Espanha – Áustria . 9-0 / 3-1
Israel – Chipre . 3-0 / 2-3
S. Marino – Espanha . 0-6 / 0-9

1º Espanha (21); 2º Israel (13); 3º Áustria (13); 4º Chipre (12); 5º S. Marino (0)

Grupo 7
Roménia – Liechtenstein . 7-0 / 3-0
Eslováquia – Azerbeijão . 3-0 / 1-0
Hungria – Portugal . 1-3 / 0-3
Portugal – Roménia . 0-1 / 1-1
Liechtenstein – Eslováquia . 0-4 / 0-2
Azerbeijão – Hungria . 0-4 / 0-3
Hungria – Roménia . 1-1 / 0-2
Eslováquia – Portugal . 0-3 / 0-1
Liechtenstein – Azerbeijão – 2-1 / 0-4
Portugal – Azerbeijão . 7-0 / 1-1
Hungria – Liechtenstein . 5-0 / 0-0
Roménia – Eslováquia . 0-0 / 5-1
Eslováquia – Hungria . 0-0 / 1-0
Azerbeijão – Roménia . 0-1 / 0-4
Liechtenstein – Portugal . 0-5 / 0-8

1º Roménia (24), 2º Portugal (23); 3º Eslováquia (17); 4º Hungria (12); 5º Azerbeijão (4); 6º Liechtenstein (4)

[1372]

3 Junho, 2004 at 6:37 pm

PORTUGAL CAMPEÃO DO MUNDO DE “FOSSO UNIVERSAL”

Numa envolvente em que o futebol domina as atenções desportivas, pouco espaço resta em geral para as restantes modalidades.

Saúdo portanto a conquista (inédita na modalidade) do título de Campeão do Mundo pela equipa portuguesa junior de Tiro – “Fosso Universal” (Tiro aos pratos) – modalidade em que Portugal conquistou já uma medalha olímpica, por Armando Marques, em Montreal, 1976 – assim como João Azevedo (Clube de Tiro de São Pedro de Rates), que se sagrou duplo Campeão do Mundo, nas categorias de Juniores e Absoluta (com uma marca de 198 / 200 pratos – um desempenho excelente que constitui record mundial de juniores!).

P. S. Uma palavra também para esse grande campeão que é (e será por muitos anos…) o etíope Kenenisa Bekele, que junta ao seu palmarés o record mundial dos 5 000 metros. Bekele – já duplamente tri-campeão mundial de cross (provas curta e longa) – vai construindo o caminho para se tornar um dos maiores atletas mundiais de sempre.

[1371]

3 Junho, 2004 at 1:42 pm 1 comentário

ELEIÇÕES PARLAMENTO EUROPEU (VI)

Resultados das eleições realizadas em 12 de Junho de 1994

Inscritos . 8 565 822
Votantes . 3 044 001 (35,54 %)
Abstenções . 5 521 821 (64,46 %)
Brancos . 48 916 (1,61 %)
Nulos . 45 320 (1,49 %)

PS . 1 061 560 (34,87 %) . 10 eleitos
PPD/PSD . 1 046 918 (34,39 %) . 9 eleitos
CDS/PP . 379 044 (12,45 %) . 3 eleitos
PCP-PEV . 340 725 (11,19 %) . 3 eleitos
PCTP/MRPP . 24 022 (0,79 %)
UDP . 18 884 (0,62 %)
PSR . 17 780 ( 0,58 %)
MPT . 12 955 ( 0,43 %)
P. XXI . 12 402 ( 0,41 %)
MPT . 12 955 ( 0,43 %)
PSN . 11 214 (0,37 %)
PPM . 8 300 (0,27 %)
PDA . 7 127 (0,23 %)
PRD . 5 941 (0,20 %)
MUT . 2 893 (0,10 %)

Eleitos:

– PS (10): António Manuel de Carvalho Ferreira Vitorino, João Barroso Soares, Fernando Luís de Almeida Torres Marinho, José Manuel Torres Couto, José Aurélio da Silva Barros Moura, Carlos Cardoso Lage, António Carlos Ribeiro Campos, Helena de Melo Torres Marques, José Apolinário Nunes Portada e Fernando Ribeiro Moniz

– PPD/PSD (9): Eurico Silva Teixeira de Melo, António d’Orey Capucho, Arlindo Marques Cunha, Francisco António Lucas Pires, Carlos Alberto Martins Pimenta, Manuel Carlos Lopes Porto, Helena Maria da Costa de Sousa de Macedo G. Vaz Silva, Carlos Henrique da Costa Neves e Jorge Nélio Praxedes Ferraz de Mendonça

– CDS/PP (3): Manuel Fernando da Silva Monteiro, Raul Miguel de Oliveira Rosado Fernandes e José Girão Pereira

– PCP-PEV (3): Luis Manuel da Silva Viana de Sá, Joaquim António Miranda da Silva e Sérgio José Ferreira Ribeiro

[1370]

3 Junho, 2004 at 12:38 pm

MUSEUS (XI)

Museu Nacional dos Coches (Lisboa . Praça Afonso de Albuquerque)
Instalado no edifício do antigo Picadeiro Real do Palácio de Belém, o museu reúne uma colecção única no mundo de viaturas de gala e de passeio dos séculos XVII ao XIX, na sua maioria provenientes dos bens da coroa ou propriedade particular da Casa Real portuguesa, permitindo ao visitante a compreensão da evolução técnica e artística dos meios de transporte de tracção animal utilizado pelas cortes europeias até ao aparecimento do automóvel.

Museu Nacional de Etnologia (Lisboa . Av. Ilha da Madeira)
O programa de exposições temporárias permite mostrar as excepcionais colecções que o museu possui, representativas de todos os povos e culturas tradicionais do mundo, com especial destaque para o continente africano. O acervo que resultou de sucessivas campanhas de recolha efectuadas em Portugal, contemplando instrumentos de trabalho e objectos ligados à vida rural portuguesa, encontra-se em reservas visitáveis.

[1369]

3 Junho, 2004 at 8:10 am


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.