Archive for 8 Junho, 2004

PORTUGAL 3º NO EUROPEU SUB-21 (“ESPERANÇAS”)

A selecção portuguesa conquistou o 3º lugar no Campeonato da Europa de Sub-21 em Futebol, ao vencer hoje a Suécia por 3-2 (após prolongamento), numa prova em que a Itália acaba de sagrar-se Campeã da Europa (pela 5ª vez nas últimas 7 edições!), relegando a Sérvia e Montenegro para a 2ª posição final.

Estas 3 selecções garantiram também o apuramento para os Jogos Olímpicos, onde, com o país organizador (Grécia) constituirão o “contingente” europeu.

Foi uma prova “estranha” e muito “complexa” a da equipa portuguesa; logo na qualificação, apurando-se os dois primeiros do grupo, Portugal foi “complicando” o que parecia fácil, perdendo o 1º lugar para a Turquia. Conseguiria apurar-se “in extremis” ao vencer a selecção inglesa em Inglaterra (no último minuto, com um golo de Hélder Postiga… com o braço).

Depois, na eliminatória seguinte, começando por perder com a França em Guimarães, viu-se obrigado a nova vitória “arrancada a ferros” em França (beneficiando da expulsão do francês Cissé) – no tal jogo, em que houve “exageros” nas comemorações no balneário.

Já na Fase Final, disputada na Alemanha, começámos mal, perdendo com a Suécia por 1-3; seguiu-se um empate a 2-2 com a Suíça e, mais uma vez, na última oportunidade de apuramento, tivemos de vencer (no seu próprio terreno) a Alemanha, por 2-1.

Nas 1/2 finais, nova derrota, com a Itália (1-3), equipa que se sagraria campeã, mostrando ser de facto a mais forte da Europa.

Hoje, a culminar toda esta campanha de muito “sofrimento”, começámos a perder, demos a “volta ao marcador”, para sofrer o 2-2 no último minuto, que nos obrigaria ao prolongamento, até atingirmos finalmente o “grande objectivo”: o 3º lugar e consequente qualificação para os Jogos Olímpicos.

A “saga” continuará em Agosto… esperemos que menos atribulada e, pelo menos, com igual êxito.

Porque, independentemente dos “solavancos” por que passou, esta é uma equipa de grande potencial (que pode ainda “ganhar” 3 reforços com idade superior), o que acaba por ficar demonstrado com a eliminação sucessiva de 3 grandes potências do futebol europeu e mundial: Inglaterra, França e Alemanha.

[1393]

8 Junho, 2004 at 10:08 pm

EURO 2004 (LVI)

GRUPO 1
Chipre – França . 1-2 / 0-5
Eslovénia – Malta . 3-0 / 3-1
Malta – Israel . 0-2 / 2-2
França – Eslovénia . 5-0 / 2-0
Malta – França . 0-4 / 0-6
Chipre – Malta . 2-1 / 2-1
Chipre – Israel . 1-1 / 0-2
Eslovénia – Chipre . 4-1 / 2-2
Israel – França . 1-2 / 0-3
Israel – Eslovénia . 0-0 / 1-3

1º França (24); 2º Eslovénia (14); 3º Israel (9); 4º Chipre (8); 5º Malta (1)

GRUPO 2
Noruega – Dinamarca . 2-2 / 0-1
Bósnia-Herzegovina – Roménia . 0-3 / 0-2
Dinamarca – Luxemburgo . 2-0 / 2-0
Roménia – Noruega . 0-1 / 1-1
Noruega – Bósnia-Herzegovina . 2-0 / 0-1
Luxemburgo – Roménia . 0-7 / 0-4
Roménia – Dinamarca . 2-5 / 2-2
Bósnia-Herzegovina – Luxemburgo . 2-0 / 1-0
Dinamarca – Bósnia-Herzegovina . 0-2 / 1-1
Luxemburgo – Noruega . 0-2 / 0-1

1º Dinamarca (15); 2º Noruega (14); 3º Roménia (14); 4º Bósnia-Herzegovina (13); 5º Luxemburgo (0)

GRUPO 3
Áustria – Moldávia . 2-0 / 0-1
Holanda – Bielorrussia . 3-0 / 2-0
Moldávia – R. Checa . 0-2 / 0-5
Bielorrussia – Áustria . 0-2 / 0-5
R. Checa – Bielorrussia . 2-0 / 3-1
Áustria – Holanda . 0-3 / 1-3
Bielorrussia – Moldávia . 2-1 / 1-2
Holanda – R. Checa . 1-1 / 1-3
R. Checa – Áustria . 4-0 / 3-2
Moldávia – Holanda . 1-2 / 0-5

1º R. Checa (22); 2º Holanda (19); 3º Áustria (9); 4º Moldávia (6); 5º Bielorrussia (3)

[1392]

8 Junho, 2004 at 7:08 pm

ELEIÇÕES PARLAMENTO EUROPEU (X)

Os poderes e a missão política do Parlamento Europeu

Como todos os parlamentos, o Parlamento Europeu exerce três poderes fundamentais: o poder legislativo, o poder orçamental e o poder de controlo de executivo e desempenha, na União Europeia, um crescente papel político.

O poder legislativo

O Parlamento aprova, com o Conselho, as leis europeias.

O processo legislativo normal é o da co-decisão: em pé de igualdade, o Parlamento Europeu e o Conselho aprovam conjuntamente a legislação proposta pela Comissão. É indispensável a obtenção do acordo final do Parlamento Europeu.

O poder de co-decisão constitui um dos poderes fundamentais do Parlamento, reforçando a sua capacidade de influenciar a legislação europeia. O processo de co-decisão aplica-se à liberdade de circulação dos trabalhadores, à realização do mercado interno, à investigação e ao desenvolvimento tecnológico, ao ambiente, à protecção dos consumidores, à educação, à cultura e à saúde, etc.

A co-decisão permitiu ao Parlamento Europeu conseguir, por exemplo:

– que os Estados-Membros pudessem impor a difusão televisiva não codificada, no seu território, de alguns acontecimentos desportivos de primeira ordem;

– que se aplicassem normas anti-poluição mais severas no que respeita à qualidade dos carburantes e dos óleos para motores;

– que a Comissão pudesse aplicar medidas urgentes de salvaguarda no que respeita à alimentação dos animais;

– que os avisos apostos nos maços de cigarros sobre os malefícios do tabaco fossem mais severos e adquirissem maior visibilidade.

– que, para eliminar os automóveis de modo ecológico, os metais pesados – chumbo, mercúrio, cádmio.- sejam proibidos nos veículos a partir de 2003; que os custos de reciclagem dos veículos retirados da circulação sejam suportados pelo fabricante; que, por outro lado, os equipamentos eléctricos usados sejam melhor reciclados.

(via página do Parlamento Europeu: www.europarl.eu.int)

[1391]

8 Junho, 2004 at 2:22 pm 2 comentários

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL (II)

Sabia que.

O consumo de petróleo aumentou 7 vezes e as emissões de dióxido de carbono, principal responsável pelo efeito de estufa e pelo aquecimento global, quadriplicou.
Desde 1900, o consumo de água doce aumentou 6 vezes, principalmente devido à agricultura.

P. S. Novos agradecimentos, ao Speed Dial N. 2, Portocarago e Os Meninos do Coro.

[1390]

8 Junho, 2004 at 8:37 am 2 comentários


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

  • RT @carmoafonso: o dia virá em q publicar capas assim arrasará quem o faz e não os visados. 10 hours ago
  • RT @RSolnado: De quem escolheu Roberto, do mesmo autor de Artur em vez de Oblak, chega... Helton, que ele quis dispensar, em vez de Odyssea… 10 hours ago
  • RT @bfarialopes: O Chega, por exemplo, conseguiu a proeza de em 12 horas votar três vezes de forma diferente a mesma norma do Novo Banco: A… 13 hours ago

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.