PORTUGAL CAMPEÃO DO MUNDO DE “FOSSO UNIVERSAL”

3 Junho, 2004 at 1:42 pm 1 comentário

Numa envolvente em que o futebol domina as atenções desportivas, pouco espaço resta em geral para as restantes modalidades.

Saúdo portanto a conquista (inédita na modalidade) do título de Campeão do Mundo pela equipa portuguesa junior de Tiro – “Fosso Universal” (Tiro aos pratos) – modalidade em que Portugal conquistou já uma medalha olímpica, por Armando Marques, em Montreal, 1976 – assim como João Azevedo (Clube de Tiro de São Pedro de Rates), que se sagrou duplo Campeão do Mundo, nas categorias de Juniores e Absoluta (com uma marca de 198 / 200 pratos – um desempenho excelente que constitui record mundial de juniores!).

P. S. Uma palavra também para esse grande campeão que é (e será por muitos anos…) o etíope Kenenisa Bekele, que junta ao seu palmarés o record mundial dos 5 000 metros. Bekele – já duplamente tri-campeão mundial de cross (provas curta e longa) – vai construindo o caminho para se tornar um dos maiores atletas mundiais de sempre.

[1371]

Anúncios

Entry filed under: Desporto.

ELEIÇÕES PARLAMENTO EUROPEU (VI) EURO 2004 (LI) – 2000

1 Comentário

  • 1. Cândida  |  4 Junho, 2004 às 1:40 pm

    tínhamos de ser campeões do fosso!é o Fado!


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: