CATALUNHA (II)

25 Novembro, 2003 at 6:12 pm

Uma hipótese de governo juntando a CiU e a ERC proporcionaria a maioria absoluta no parlamento Catalão, devendo constituir-se num governo claramente nacionalista, reformador do estatuto de autonomia; contaria contudo com a reticência dos partidários da CiU que não defendem .aventuras independentistas..

O cenário (hipotético) de coligação governamental entre a CiU e o PSC-PSOE, com um forte apoio parlamentar, poderia ser apoiado pelos poderes económicos e pelos sectores moderados; ambos os partidos concordam com a necessidade de reforma do estatuto autonómico, mas sem colocar em causa a Constituição Espanhola. Parece contudo pouco provável, pela rejeição interna que provocaria em ambos os partidos.

A opção preferida pela ERC seria uma associação alargada, com o PSC-PSOE, CiU e Iniciativa por Catalunha (comunistas), que proporcionaria a formação de uma frente nacionalista (excluindo apenas o PP); é contudo uma hipótese improvável.

Subsiste ainda a possibilidade de formação de um governo minoritário (apenas 46 deputados, num total de 135), por parte da CiU, necessitando para tal da abstenção do PSC-PSOE para poder levar por diante a sua iniciativa, pelo menos, até às eleições gerais espanholas de Março de 2004.

Em qualquer dos cenários, a evolução do estatuto autonómico da Catalunha (a acordar com o Governo Central) condicionará também o estatuto do País Basco, devendo os Bascos vir a reclamar, pelo menos, tratamento igual ao que for atribuído aos Catalães.

[641]

Entry filed under: Internacional.

APAV NOVIDADES NA "BLOGOSFERA"


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: