O MEU PÉ DE LARANJA LIMA (I)

20 Julho, 2003 at 12:37 pm

O prometido é devido: inicia-se hoje uma apresentação de 10 extractos da obra de José Mauro de Vasconcelos, “O Meu Pé de Laranja Lima”. Apreciem estes momentos de rara beleza na escrita; enjoy it.

“A gente vinha de mãos dadas, sem pressa de nada pela rua. Totoca vinha me ensinando a vida. E eu estava muito contente porque meu irmão mais velho estava me dando a mão e ensinando as coisas. Mas ensinando as coisas fora de casa. Porque em casa eu aprendia descobrindo sozinho e fazendo sozinho, fazia errado e fazendo errado acabava sempre tomando umas palmadas.”

[65]

Entry filed under: Cultura, Artes e Letras.

WORLD GYMNAESTRADA HUMAN DEVELOPMENT INDEX (I)


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

  • RT @jorgeraa: O mais chato do jogo d ontem do SLB no Bessa não é apenas termos ganho num ambiente hostil. É termos ganho a jogar bom futebo… 4 hours ago
  • RT @Bakero83: Vê-se pela choradeira de hoje como a vitória categórica de ontem foi importante. Zimbora Benfica! 1/3 do percurso à campeão e… 7 hours ago
  • RT @jorgeraa: Não me canso de rever os dois golaços do Vinicius. Que jogador! O Benfica tem tido grandes avançados nas últimas épocas (Card… 18 hours ago

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: