Archive for 25 Julho, 2003

MÃE

Com 3 letrinhas apenas.

PARABÉNS!

[91]

25 Julho, 2003 at 7:12 pm

O MEU PÉ DE LARANJA LIMA (VI)

“De repente a coisa aconteceu. Eu vinha devagar, como sempre, pela estrada Rio – São Paulo quando o carrão do Português passou bem devagarinho por mim. A buzina soou três vezes e vi que o monstro me olhava sorrindo. Aquilo me fez renascer a raiva e o desejo de matá-lo de novo quando ficasse grande. Fechei a cara no meu orgulho todo e fingi ignorá-lo.”

[90]

25 Julho, 2003 at 6:53 pm

"BITÁCORAS"

Pois é, por Espanha também! 

Continuando a digressão internacional, por “blogues” de línguas com mais afinidades com a nossa (de origem latina, diria…), chegamos hoje a Espanha, em que os ditos têm uma denominação particular: “Bitácoras” (soa, de alguma maneira, a “bitaites”… no fundo, é um pouco disso que se trata, mas, como referido já por muitos “colegas”, tratar-se-ão de “bitaites” com uma procura de linguagem cuidada). 

Como todas as listas, esta que hoje introduzo – de links para “blogues” em espanhol – é obviamente parcelar e “provisória”. É apenas um primeiro “atravessar a fronteira” (como se fossemos a Badajoz “comprar caramelos” pela primeira vez…). 

Ah! Se me permitem a sugestão, aproveitem também para visitar os “blogues” em Galego (parece-me uma sugestão mais que oportuna… naquele que é o “Dia da Galiza”). A título de curiosidade, veja-se o comentário de Akin relativamente à recente alteração à norma linguística do Galego: 

“A modo de conclusión, case nada novo baixo o sol, estaba claro que non se ía producir un achegamento ó portugués, algo que si vería con agrado (aunque supuxese aínda mais separación entre fonética e grafía), e postos a non achegarse… bueno, non vexo demasiadas vantaxes e cambiar cousas mínimas como as que se cambiaron, para ista viaxe non facían falla tantas alforxas.” 

“Delicioso”! 

[89]

25 Julho, 2003 at 6:01 pm

ACONTECE(U)

Ouço dizer que o “Acontece” acabou (!?).

Quero crer: é porque será substituído por um outro programa, com a mesma temática, mas renovado.

Estarei a ser naïf?

[88]

25 Julho, 2003 at 5:58 pm

CARLA BRUNI

Aos 33 anos, a ex-top model italiana, procedeu a uma inversão radical na carreira, revelando-se numa faceta completamente diferente, agora a escrever e a cantar em francês (das 12 canções do seu primeiro álbum, 11 foram escritas pela própria).

O seu disco “QUELQ’UN M’A DIT” é um dos mais belos que a música de língua francesa produziu nos últimos anos, por via não só de uma encantadora voz, mas também pela qualidade das letras, tendo-se transformado num fenómeno de sucesso.

Temas como “Toi du Moi”, “La Dernière Minute”, “Tout le Monde”, entre outros, irão concerteza deixar também a sua marca em Portugal.

“Obrigatório” ouvir! Para todas as idades e “ouvidos”.

[87]

25 Julho, 2003 at 8:23 am

TEMA: "BLOG"

Continua a análise sobre este “fenómeno”. 

Remeto (quem não tenha tido oportunidade de o ler já) para o pertinente artigo de Francisco José Viegas no Jornal de Notícias (a propósito, já começamos a sentir a falta dos seus “blogues”…). 

P. S. – Quero agradecer ainda ao Janela para o Rio pela simpática referência e também ao Crítico Musical. E ainda outros agradecimentos: ao Fumaças e ao Carimbo

[86]

25 Julho, 2003 at 8:18 am

HUMAN DEVELOPMENT INDEX (V)

Em relação a outro dos factores determinantes na classificação em análise . .Crises e Desafios de Saúde. / .Sobrevivência. . destacam-se os seguintes indicadores, respectivamente, .% de adultos infectados pelo vírus da SIDA.; .Casos de Tuberculose por 100 000 habitantes.; .Consumo de cigarros por adulto (média anual).; .Esperança de vida à nascença.; .Taxa de mortalidade infantil (por 1 000).; .Taxa de mortalidade de crianças com menos de 5 anos (por mil).:

– Noruega: 0,08 / 3 / 739 / 78,9 / 4 / 4

– Islândia: 0,15 / 2 / 2 013 / 79,8 / 3 / 4
– Suécia: 0,08 / 2 / 1 085 / 80,1 / 3 / 3

– Austrália: 0,07 / 4 / 1 708 / 79,2 / 6 / 6
– Holanda: 0,21 / 3 / 2 775 / 78,3 / 5 / 6

– Bélgica: 0,16 / 6 / 1 830 / 78,8 / 5 / 6
– EUA: 0,61 / 2 / 2 092 / 77,1 / 7 / 8

– Canadá: 0,31 / 3 / 1 820 / 79,3 / 5 / 7
– Japão: 0,10 / 21 / 2 950 / 81,6 / 3 / 5

– Suíça: 0,50 / 5 / 2 880 / 79,1 / 5 / 6
.
– Portugal: 0,52 / 17 / 2 036 / 76,2 / 5 / 6

Nestes indicadores, merecem particular referência os valores apresentados pela Noruega e Suécia.

Portugal regista aqui importantes desafios, nomeadamente na luta contra os casos de SIDA e Tuberculose.

Realce para os relativamente bons indicadores registados por Portugal no critério .Sobrevivência. (à excepção da esperança média de vida . indicador em que o Japão e a Suécia são os únicos países do mundo acima dos 80 anos).

[85]

25 Julho, 2003 at 7:50 am


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

  • RT @ConstancaSa: E a comunicação social, Paulo, tira as devidas consequências? Ou ele são todos iguais e nós somos os arautos dos boas prát… 5 hours ago
  • RT @MundoMaldini: Justo triunfo del Valencia. Por muchas cosas. Sobre todo premio a la paciencia por aguantar a Marcelino en el momento crí… 5 hours ago
  • RT @pedro_sales: @jcaetanodias errado. dois para sporting, um para benfica e hipótese de um destes clubes vencer ainda a supertaça 2018/19. 5 hours ago

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.