NOVOS PAÍSES MEMBROS DA UNIÃO EUROPEIA – LITUÂNIA (III)

14 Janeiro, 2004 at 8:05 am 1 comentário

Passaria pela repressão do regime Estalinista, sofrendo o povo lituano com maciças deportações para a Sibéria, perdendo cerca de ¼ da sua população em deportações ou em campos de trabalho e prisões.

Com o colapso da União Soviética, a Lituânia começou por proclamar a sua declaração de independência em 11 de Março de 1990, hasteando-se a moderna bandeira lituana (de 1918) na histórica Torre Gediminas, em Vilnius, tendo sido a Islândia o primeiro país a reconhecer o restabelecimento da sua condição de Estado independente.

A União Soviética tentaria contudo resistir; em 13 de Janeiro de 1991, procedeu a um ataque a Vilnius, o qual viria a culminar com o reconhecimento internacional da soberania lituana e a admissão do país na ONU em 17 de Setembro de 1991.

[913]

Entry filed under: Novos países União Europeia.

"LIVE JOURNAL" (III) "OS MELHORES FILMES DOS ANOS 70"

1 Comentário

  • 1. O Raio  |  14 Janeiro, 2004 às 10:31 am

    Independência curta pois daqui a dois mesinhos vai entrar na União Europeia…


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Twitter

  • RT @JSnotario: Mais uma vergonha na AR e parabéns a quem considera isto enquadrável num sistema Democrático 1 hour ago
  • RT @castrojr76: Ainda sou do tempo que a Taça de Portugal era jogada às 15H nos campos dos clubes sem estas patetices. Isto é estragar a… 4 hours ago
  • RT @OFuraRedes: Mário Figueiredo, antigo presidente da Liga, disse esta 6ª feira em tribunal, que os emails apresentados no Porto Canal era… 6 hours ago

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: