Archive for Fevereiro, 2004

A NOITE DOS ÓSCARES

Aí está a tão ansiada “Noite dos Óscares” (no nosso caso, mais “madrugada”…) – na sua 76ª edição -, a partir do Kodak Theatre em Hollywood; ficaremos então a conhecer os premiados com as famosas estatuetas douradas.

Os principais candidatos são:

Lord of the Rings (11 nomeações) – entre as quais: Melhor Filme, Realizador (Peter Jackson), Montagem, Banda Sonora Original e Canção.

Master and Commander (10 nomeações) – nomeadamente: Melhor Filme, Realizador (Peter Weir) e Montagem.

Mystic River (6 nomeações) – incluindo: Melhor Filme, Realizador (Clint Eastwood), Actor Principal (Sean Penn), Actor Secundário (Tim Robbins) e Actriz Secundária (Marcia Gay Harden).

Lost in Translation (4 nomeações) – Melhor Filme, Realizador (Sofia Coppolla), Actor Principal (Bill Murray) e Argumento Original.

Cidade de Deus (4 nomeações) – Realizador (Fernando Meirelles), Argumento Adaptado, Montagem e Fotografia.

São também candidatos ao prémio de Melhor Actor: Jude Law (Cold Mountain) e Johnny Depp (Pirata das Caraíbas); e de Melhor Actriz: Charlize Theron (Monster), Naomi Watts (21 Gramas) e Diane Keaton (Alguém Tem Que Ceder).

Espera-se que um português conquiste também, pela primeira vez, um Óscar: Eduardo Serra, pela Fotografia de Girl With a Pearl Earring.

[1046]

Anúncios

29 Fevereiro, 2004 at 12:55 pm

REVISTA DA SEMANA

Visão (26 Fevereiro)

“Defesa apresenta recurso contra prisão preventiva- Os advogados de Carlos Cruz entregam esta sexta-feira o recurso contra a prisão preventiva do apresentador, decretada pelo juiz Rui Teixeira na sequência do novo interrogatório, no início de Fevereiro.

Governo vai acelerar privatizações – O primeiro-ministro aproveitou o debate mensal no Parlamento para anunciar a intenção de acelerar o processo de privatizações, ao mesmo tempo que elogiou a retoma anunciada. A oposição fala em «contabilidade inventiva e fantasiosa» e acusa o Governo de fazer o País andar para trás.

Partida da sonda novamente adiada – Depois de ter uma sido adiado uma primeira vez por razões metereológicas, ainda não foi esta sexta-feira o lançamento da sonda europeia Rosetta, desta vez por motivos ténicos. A viagem inédita de dez anos e cinco mil milhões de quilómetros até ao núcleo de um cometa fica assim suspensa até ao início da próxima semana”.

[1045]

29 Fevereiro, 2004 at 12:32 pm

TSF – ANIVERSÁRIO

Completam-se hoje 16 anos sobre o nascimento da TSF (já depois de uma primeira “emissão-pirata” em 17 de Junho de 1984), uma rádio que trouxe uma nova vida às ondas hertzianas em Portugal, uma nova perspectiva, uma nova abordagem; um projecto dinâmico e inovador.

Parabéns a todos quantos – ao longo de todos estes anos – contribuíram para a sua afirmação: Emídio Rangel, Ana Margarida Matos, António Jorge Branco, António Macedo, Carlos Andrade, Carlos Daniel, Carlos Magno, Carlos Raleiras, Carlos Vaz Marques, Carneiro Jacinto, Clara Ferreira Alves, David Borges, Elisabete Caramelo, Fernando Alves, Fernando Correia, Francisco Amaral, Francisco Sena Santos, João Almeida, João Gabriel, João Paulo Baltazar, João Paulo Guerra, João Paulo Meneses, Jorge Perestrelo, José Fragoso, José Manuel Mestre, Manuel Acácio, Manuel Costa Monteiro, Margarida Serra, Maria Flor Pedroso, Nuno Roby, Paulo Alves Guerra, …

Parabéns também pela excelente ideia da edição (hoje com o Diário de Notícias) d’”Os Sons da Nossa História”, que nos devolve as memórias de 16 anos, um pouco da nossa história. E que prazer poder ouvir a voz magnífica de António Jorge Branco!

P. S. Uma pequena história da TSF está disponível aqui (via A Rádio em Portugal).

[1044]

29 Fevereiro, 2004 at 9:49 am

"A FLORESTA" – SOPHIA MELLO BREYNER

Ópera infantil, baseada na obra de Sophia de Mello Breyner, estreia hoje no Teatro São Luiz; “A Floresta” conta a história de uma menina que sonha encontrar um anão, permanecendo em cena em Lisboa até 7 de Março.

Será depois apresentada também no Teatro Aveirense, a 17 e 18 de Abril, e no Teatro Viriato, em Viseu, a 1 e 2 de Maio.

[1043]

28 Fevereiro, 2004 at 5:10 pm 1 comentário

SÉRGIO GODINHO NO COLISEU

Hoje, às 22 horas, no Coliseu de Lisboa, depois de “O Irmão do Meio“, Sérgio Godinho revisita mais de 30 anos de carreira, acompanhado por David Fonseca, Vitorino e Camané.

[1042]

28 Fevereiro, 2004 at 12:53 pm

BENFICA – CENTENÁRIO (XXXI)

[1041]

28 Fevereiro, 2004 at 11:06 am 1 comentário

BENFICA – CENTENÁRIO (XXX)

Um símbolo de Portugal!

2 Taças dos Clubes Campeões Europeus (1961 e 1962)

1 Taça Latina (1950)

1 Taça Ibérica (1984)

30 Campeonatos Nacionais (1936, 1937, 1938, 1942, 1943, 1945, 1950, 1955, 1957, 1960, 1961, 1963, 1964, 1965, 1967, 1968, 1969, 1971, 1972, 1973, 1975, 1976, 1977, 1981, 1983, 1984, 1987, 1989, 1991 e 1994)

23 Taças de Portugal (1940, 1943, 1944, 1949, 1951, 1952, 1953, 1955, 1957, 1959, 1962, 1964, 1969, 1970, 1972, 1980, 1981, 1983, 1985, 1986, 1987, 1993 e 1996)

3 Supertaças (1981, 1986 e 1990)

3 Campeonatos de Portugal (1930, 1931 e 1935)

10 Campeonatos de Lisboa (1910, 1912, 1913, 1914, 1916, 1917, 1918, 1929, 1923 e 1940)

18 Taças de Honra A. F. Lisboa (1920, 1922, 1963, 1965, 1967, 1968, 1969, 1972, 1973, 1974, 1975, 1978, 1979, 1980, 1982, 1984, 1986 e 1988)

1 Taça da A. F. Lisboa (1922)

BASQUETEBOL (Carlos Lisboa)

20 Campeonatos – 1940, 1946, 1947, 1961, 1962, 1963, 1964, 1965, 1970, 1975, 1985, 1986, 1987, 1989, 1990, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995

18 Taças de Portugal – 1946, 1947, 1961, 1964, 1965, 1966, 1968, 1969, 1970, 1972, 1973, 1974, 1981, 1992, 1993, 1994, 1995, 1996

6 Supertaças – 1985, 1989, 1991, 1994, 1995, 1996

6 Taças da Liga – 1990, 1991, 1993, 1994, 1995, 1996

HÓQUEI EM PATINS (António Livramento)

20 Campeonatos – 1951, 1952, 1956, 1957, 1960, 1961, 1966, 1967, 1968, 1970, 1972, 1974, 1979, 1980, 1981, 1992, 1994, 1995, 1997, 1998

11 Taças de Portugal – 1963, 1979, 1980, 1981, 1982, 1991, 1994, 1995, 2000, 2001, 2002

5 Supertaças – 1993, 1995, 1997, 2001, 2002

1 Taças CERS – 1991

RÂGUEBI (João Queimado)

9 Campeonatos – 1960, 1961, 1962, 1970, 1976, 1986, 1988, 1991, 2001

10 Taças de Portugal – 1961, 1965, 1966, 1970, 1971, 1972, 1975, 1983, 1984, 1985

3 Taças Ibéricas – 1986, 1988, 2001

ANDEBOL (João Gonçalves)

6 Campeonatos – 1962, 1975, 1982, 1983, 1989, 1990

3 Taças de Portugal – 1985, 1986, 1987

3 Supertaças – 1983, 1989, 1994

[1040]

28 Fevereiro, 2004 at 10:48 am 1 comentário

BENFICA – CENTENÁRIO (XXIX)

Os “heróis” que construíram o mito:

COLUNA – 19 Títulos: 10 Camp., 7 Taças, 2 TCE / 525 jogos / 127 golos
NENÉ – 18 Títulos: 10 Camp., 6 Taças, 2 Supert. / 575 jogos / 359 golos
EUSÉBIO – 17 Títulos: 11 Camp., 5 Taças, 1 TCE / 440 jogos / 473 golos
SHÉU – 17 Títulos: 9 Camp., 6 Taças, 2 Supertaças / 487 jogos / 45 golos
BENTO – 16 Títulos: 8 Camp., 6 Taças, 2 Supertaças / 465 jogos
CAVÉM – 16 Títulos: 9 Camp., 5 Taças, 2 TCE / 420 jogos / 104 golos
SIMÕES – 16 Títulos: 10 Camp., 5 Taças, 1 TCE / 449 jogos / 72 golos
TONI – 15 Títulos: 8+2 Camp., 3+1 Taças, 1 Supert. / 391 jogos / 23 golos
VELOSO – 15 Títulos: 7 Campeonatos, 6 Taças, 2 Supertaças / 538 jogos / 9 golos
HUMBERTO COELHO – 14 Títulos: 8 Campeonatos, 5 Taças, 1 Supertaça / 498 jogos / 81 golos
JOSÉ ÁGUAS – 14 Títulos: 5 Campeonatos, 7 Taças, 2 TCE / 384 jogos / 379 golos
ÂNGELO – 13 Títulos: 7 Campeonatos, 6 Taças / 285 jogos / 4 golos
ANT. BASTOS LOPES – 13 Títulos: 7 Campeonatos, 4 Taças, 2 Supertaças / 387 jogos / 3 golos
COSTA PEREIRA – 13 Títulos: 7 Campeonatos, 4 Taças, 2 T. Campeões Europeus / 358 jogos
CRUZ – 13 Títulos: 8 Campeonatos, 3 Taças, 2 T. Campeões Europeus / 344 jogos / 1 golo
JOSÉ AUGUSTO – 13 Títulos: 8 Campeonatos, 3 Taças, 2 TCE / 369 jogos / 175 golos
JOSÉ LUÍS – 13 Títulos: 5 Campeonatos, 6 Taças, 2 Supertaças / 226 jogos / 20 golos
SANTANA – 13 Títulos: 7 Campeonatos, 3 Taças, 2 T. Campeões Europeus / 162 jogos / 79 golos
ALBINO – 12 Títulos: 6 Campeonatos, 4 Taças, 2 Camp. Lisboa / 343 jogos / 20 golos
GASPAR PINTO – 12 Títulos: 6 Campeonatos, 3 Taças, 3 Camp. Lisboa / 306 jogos / 6 golos
TORRES – 12 Títulos: 9 Campeonatos, 3 Taças / 259 jogos / 226 golos
ARTUR SANTOS – 11 Títulos: 4 Campeonatos, 6 Taças, 1 T. Campeões Europeus / 284 jogos
CARLOS MANUEL – 11 Títulos:4 Campeonatos, 5 Taças, 2 Supertaças / 320 jogos / 58 golos
CHALANA – 11 Títulos: 6 Campeonatos, 3 Taças, 2 Supertaças / 310 jogos / 47 golos
H. FERNANDES – 11 Títulos: 6 Campeonatos, 4 Taças, 1 T. Camp. Europeus / 88 jogos
JACINTO MARQUES – 11 Títulos: 4 Campeonatos, 6 Taças, 1 T. Latina / 250 jogos
J. HENRIQUE – 11 Títulos: 8 Campeonatos, 3 Taças / 297 jogos
PIETRA – 11 Títulos: 4 Campeonatos, 5 Taças, 2 Supertaças / 313 jogos / 24 golos
VALADAS – 11 Títulos: 6 Campeonatos, 4 Taças, 1 Camp. Lisboa / 264 jogos / 158 golos

[1039]

28 Fevereiro, 2004 at 10:20 am 1 comentário

BENFICA – CENTENÁRIO (XXVIII)

1904

Em Belém, área aristocrática da cidade, reúnem-se frequentemente, para jogar futebol, vários rapazes de algumas das melhores famílias do bairro, vizinhas da Farmácia Franco. A este grupo, conhecido por “Catataus” – composto pelos irmãos Rosa Rodrigues e outros amigos -, foram-se juntando, depois do Verão de 1903, antigos alunos da Real Casa Pia, dos Jerónimos, onde se começara a praticar o futebol.

Começou então a pensar-se na criação de um novo clube, tendo sido escolhidos: o nome, Sport Lisboa; as cores do equipamento, vermelho e branco, por simbolizarem alegria, colorido e a vivacidade da luta desportiva; o emblema, desenhado com base na águia, uma ave altaneira, símbolo da elevação de propósitos e do espírito de iniciativa; a divisa, “E Pluribus Unum“, como apologia da união e do espírito de família que caracterizou a criação do clube.

No dia 28 de Fevereiro de 1904, em reunião na Farmácia Franco, em Belém, 24 jovens assumiram a formação do novo clube, o Sport Lisboa. Completam-se hoje 100 anos!

1905

Apesar de não dispor de campo próprio, os primeiros jogos mostravam que nascia um grande clube, baseado numa excelente equipa de futebol, assumindo-se desde logo como o “melhor clube de jogadores portugueses”.

O primeiro jogo decorreria a 1 de Janeiro, no Campo das Salésias, em Belém, com uma vitória por 1-0 frente ao Campo de Ourique, a que se seguiram mais duas vitórias, por 3-0 e 2-0 sobre os ingleses do Gilman e, novamente, sobre o Campo de Ourique, também por 1-0.

1906

O Sport Lisboa funda, com o Internacional e o Império, a Associação de Futebol de Lisboa, que viria a promover o primeiro Campeonato Regional de Futebol de Lisboa, disputado pelo clube, pelo Carcavelos, Lisbon Cricket (da Cruz Quebrada) e Internacional; o Carcavelos seria o campeão (1906-07), ficando o Sport Lisboa em segundo.

No primeiro jogo oficial da história do clube, a 4 de Novembro de 1906, perderia por 1-3, precisamente com o Carcavelos. A primeira vitória aconteceria a 22 de Novembro, por 1-0, frente ao Lisbon Cricket.

Em Maio de 1906, foram criadas as secções de Pedestrianismo (Atletismo) e Velocipedismo (Ciclismo) . uma forma de os futebolistas poderem participar em provas de outras modalidades.

O clube participa pela primeira vez numa prova de ciclismo, representado pelo futebolista Fortunato Levy.

Em Setembro, são escolhidos 3 jogadores de futebol (Emílio de Carvalho, António Couto e Fortunato Levy) para formar um misto português, tendo em vista um desafio frente a um grupo de ingleses.

Em Dezembro, o Sport Lisboa participa pela primeira vez numa prova de atletismo, fazendo-se representar pelo capitão da equipa de futebol da 2ª categoria, Félix Bermudes.

1907

No Campo da Quinta Nova, em Carcavelos, o Sport Lisboa vence pela primeira vez, por 2-1, o Carcavelos Club, constituído por jogadores ingleses, uma das instituições responsáveis pela introdução e divulgação do futebol em Portugal, invencível há 9 anos.

As 2ª e 3ª categorias (onde jogavam Cosme Damião e Félix Bermudes) conquistam os dois primeiros troféus, nos Torneios Inter-Clubes das respectivas categorias.

Em Maio de 1907, 8 jogadores do clube mudam-se para o Sporting. Pouco tempo depois seria disputado o primeiro derby da história com a nova equipa a vencer por 2-1.
Gera-se uma situação de crise, que quase leva o clube à extinção, ficando reduzido a 30 sócios.

Em Junho, Marcolino Bragança, jogador da 2ª categoria, lança a ideia de se fazerem subir os jogadores da 2ª à 1ª categoria.

Cosme Damião, conjuntamente com Félix Bermudes, dinamiza um movimento que financia as primeiras despesas e cria várias iniciativas que possibilitam a manutenção do Sport Lisboa.

[1038]

28 Fevereiro, 2004 at 12:05 am

BENFICA – CENTENÁRIO (XXVII)

1908

O Sport Lisboa classifica-se em 3º lugar na Liga de Futebol 1907-08, atrás do Carcavelos e do Sporting.

Entretanto, a 13 de Setembro, dá-se a fusão do Sport Lisboa com o Sport Clube de Benfica (anteriormente denominado Grupo Sport Benfica), clube que havia sido fundado a 26 de Julho de 1906, mais vocacionado para o ciclismo e atletismo, mas que, não obstante, dispunha de um campo de futebol.

Assim, o Sport Lisboa passa a chamar-se Sport Lisboa e Benfica, passando a jogar no Campo da Feiteira, em frente à Igreja de Benfica, alcançando, a 25 de Outubro de 1908, a primeira vitória sobre o Sporting, em jogo do Campeonato regional de Lisboa, por 2-0.

O Benfica tem, na altura, cerca de 275 sócios.

1909

Em Maio de 1909, numa das primeiras reuniões da Direcção, Cosme Damião é nomeado para capitão-geral, passando a supervisionar todo o futebol do Clube.

Cerca de 5 000 espectadores assistem ao Benfica-Carcavelos, realizado na Quinta da Feiteira.

Registam-se as primeiras vitórias no atletismo, por intermédio de Alfredo Camecelha e Costa Rosado.

No campeonato de futebol de Lisboa, o Benfica é novamente vice-campeão, atrás do tri-campeão Carcavelos.

1910

Quatro jogadores benfiquistas integram a Selecção de Lisboa que vai jogar a Huelva.

Entretanto, alcança a segunda vitória sobre o Carcavelos Club, invencível desde 1907.

São expostos, pela primeira vez, os troféus já conquistados pelo clube, em homenagem à conquista dos 3 Campeonatos Regionais de Lisboa, em 1ª, 2ª e 3ªs categorias; pela primeira vez na sua história, o Benfica é campeão (1909-10).

O clube alcança a 1ª vitória no 1º troféu dos “Jogos Olímpicos Nacionais”, ao vencer, por 2-1, o Sport União Belenense.

Alberto Albuquerque conquista a primeira vitória do Benfica no ciclismo.

1911

Em 1911, o clube abandona a Quinta da Feiteira.

É fundada, em Portalegre, a 1ª filial do Benfica.

O Benfica faz a sua estreia internacional, perdendo 2-4 com o Stade Bordelais Université, de França.

Termina o campeonato de Lisboa em 2º lugar, sendo campeão o Internacional.

[1037]

27 Fevereiro, 2004 at 7:48 pm 1 comentário

Artigos Mais Antigos


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Fevereiro 2004
S T Q Q S S D
« Jan   Mar »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.