Archive for 4 Fevereiro, 2004

BENFICA – CENTENÁRIO (IV)

1992

A 1 de Dezembro, grande homenagem a Eusébio, pelo seu cinquentenário, num jogo festa entre antigos jogadores portugueses e figuras históricas do futebol mundial.

O Benfica participa na primeira edição da Liga dos Campeões em futebol. Depois de eliminar o Arsenal, vencendo em Londres por 3-1 e após vencer o D. Kiev por 5-0, necessitava de ganhar em Barcelona para alcançar mais uma final; perderia por 1-2. Vence o Campeonato e a Supertaça de Hóquei em Patins.

Em Basquetebol, ganha também o Campeonato Nacional, a Taça de Portugal e a Supertaça.

1993

No Basquetebol, o Benfica realiza a melhor época de sempre, vencendo o Campeonato Nacional, a Taça de Portugal e a Taça da Liga, chegando nas provas europeias à poule final, com vitórias sobre as melhores equipas da Europa, incluindo a que se sagraria Campeã Europeia.

No Futebol, o Benfica conquista mais uma Taça de Portugal (22ª), vencendo na final o Boavista por 5-2, com golos de Futre (2), V. Paneira, João Pinto e Rui Águas.

No Hóquei em Patins, conquista a Supertaça.

1994

No Futebol, o Benfica sagra-se – pela última vez até à data – Campeão Nacional (30º título), na sequência de uma fabulosa vitória por 6-3, em Alvalade, frente ao Sporting, com 3 golos de João Pinto, na melhor exibição da sua carreira. Foram campeões, nomeadamente: Silvino, Veloso, Abel Xavier, Mozer, Hélder, William, Schwarz, Kenedy, Kulkov, Vítor Paneira, Rui Costa, João Pinto, Rui Águas, Ailton, Yuran e Isaías. O Treinador era Toni, tendo por adjunto Jesualdo Ferreira.

Em jogo da Taça de Portugal, ganha ao Marinhense por 12-0.

A nível europeu, atinge as meias-finais da Taça das Taças, depois de eliminar o Bayer Leverkusen com um épico empate na Alemanha, por 4-4, perdendo o acesso à final numa eliminatória com o Parma.

Repete também as conquistas no Basquetebol, juntando ao título de Campeão Nacional, a Taça de Portugal e a Taça da Liga.

No Hóquei em Patins, alcança mais uma “dobradinha”: Campeonato e Taça.

No Atletismo, conquista o 6º título consecutivo no sector masculino e o 7º no sector feminino.

[971]

4 Fevereiro, 2004 at 6:40 pm

"OS LIVROS QUE NUNCA ACABAMOS DE LER" – "D. QUIXOTE"

“DOM QUIXOTE”, de Cervantes

“Romance escrito entre 1605 e 1615, tem como protagonistas o “engenhoso fidalgo e cavaleiro da Triste Figura” Alonso Quijada, autonomeado Don Quijote – homem formado na leitura das novelas de cavalaria que a cavalo viaja pelos desertos castelhanos em busca de aventuras heróicas e sublimes – e o seu fiel, simples e rude escudeiro Sancho Pança. Do contraste entre um e outro, homólogo do contraste entre a imaginação e a razão prática, o ideal e o real, o engenho e o senso comum, resultam a visão luminosa do cómico e trágico do destino humano.”

“Notícias do Milénio”, publicação dos jornais do “Grupo Lusomundo”, Julho de 1999

[970]

4 Fevereiro, 2004 at 8:21 am 2 comentários


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Fevereiro 2004
S T Q Q S S D
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.