Archive for 4 Janeiro, 2004

REVISTA DA SEMANA

Visão (1 de Janeiro)

“Rui Teixeira e Papa eleitos – Os leitores da VISAOONLINE escolheram as personalidades que mais marcaram 2003. O juiz de instrução do processo Casa Pia foi a figura nacional e João Paulo II foi considerado a personalidade mais marcante a nível internacional.

Nas teias da Casa Pia – Havia um «cérebro» e um «operacional». Serviam um grupo que deles tirava partido. O despacho de acusação do processo de pedofilia configura um novelo de interesses entre os dez arguidos.

PGR afasta Sampaio, Vitorino e ministro do processo Casa Pia – Ainda na quinta-feira, a Procuradoria-Geral da República garantiu que os nomes de Jorge Sampaio e António Vitorino nunca foram mencionados por ninguém ouvido ao longo da investigação do caso Casa Pia. Na sexta, a PGR garantiu também que não existem «quaisquer elementos probatórios» que envolvam algum membro do actual Governo.

Deco alerta para subida de preços dos combustíveis – A associação que defende os direitos dos consumidores avisa que o preço dos combustíveis vai disparar nos próximos meses, sobretudo nos postos das auto-estradas e nas pequenas cidades. É a consequência da livre fixação de preços.

Ajuda portuguesa no Irão – As 13 toneladas de ajuda humanitária portuguesa partiram na quinta-feira, dia 1, para Bam, no Irão, onde o terramoto terá feito 50 mil mortos. As equipas de salvamento devem regressar no sábado, mas as equipas médicas nacionais entraram agora em acção.”

[885]

4 Janeiro, 2004 at 12:27 pm

UNIÃO EUROPEIA – 2003

Em Março, o Parlamento Europeu adopta por maioria um relatório aprovando a adesão de Chipre, República Checa, Eslováquia, Eslovénia, Estónia, Hungria, Letónia, Lituânia, Malta e Polónia em 2004.

Em Abril, é assinado em Atenas o Tratado de Adesão de Chipre, Eslováquia, Eslovénia, Estónia, Hungria, Letónia, Lituânia, Malta, Polónia e República Checa à União Europeia.

Em Junho, no Conselho Europeu de Salónica (Grécia), o projecto de uma constituição Europeia foi acolhido como um ponto de partida positivo para próximas negociações sobre o futuro da Europa. Os dirigentes da UE reúnem-se com os representantes dos Estados balcânicos e expressam a intenção de que estes sejam incluídos na União Europeia desde que promovam a estabilidade democrática, o respeito do Estado de Direito e o desenvolvimento económico.

A 14 de Setembro, a Suécia rejeita, através de referendo, a adesão ao Euro.

A 4 de Outubro, inicia-se em Roma, a Conferência Intergovernamental (CIG), visando debater e adoptar a versão final da primeira “Constituição Europeia”; diversos Estados-membros solicitaram alterações ao projecto proposto em Julho, tendo sido adiada uma decisão final.

A 1 de Novembro, Jean-Claude Trichet sucede a Wim Duisenberg como Presidente do Banco Central Europeu.

E aqui se encerra mais uma “viagem” – iniciada há mais de 2 meses – pela “História da União Europeia”.

P. S. Tal como referido no primeiro texto desta série, esta apresentação de uma breve “História da União Europeia”, a partir dos factos mais relevantes associados à construção deste projecto supranacional, teve por base recolha de dados na página “A União Europeia Em Linha“.

[884]

4 Janeiro, 2004 at 11:20 am


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Twitter

  • RT @JotalbertoSilva: Era só para vos lembrar que o petróleo está a negociar nos $100 e a descer. Há 3/4 meses atrás os combustíveis com est… 7 hours ago
  • Nadal ganha 10-4 e está nas meias-finais, frente a Kyrgios! 7 hours ago
  • Nadal chega a 5-0 no tie-break... 7 hours ago

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.