Archive for 6 Outubro, 2005

ÍCONES DO SÉCULO (LXIII) – 1992 – GEORGE BUSH

6 Outubro, 2005 at 7:42 pm Deixe um comentário

MUNDIAL 2006 (X) – 1934

1/8 Final
Áustria – França – 3-2
Itália – EUA – 7-1
Alemanha – Bélgica – 5-2
Checoslováquia – Roménia – 2-1
Suíça – Holanda – 3-2
Suécia – Argentina – 3-2
Espanha – Brasil – 3-1
Hungria – Egipto – 4-2

1/4 Final
Áustria – Hungria – 2-1
Checoslováquia – Suíça – 3-2
Alemanha – Suécia – 2-1
Itália – Espanha – 1-1 / 1-0

1/2 Finais
Itália – Áustria – 1-0
Checoslováquia – Alemanha – 3-1

3º / 4º
Alemanha – Áustria – 3-2

Final
Itália – Checoslováquia – 2-1

Campeão do Mundo – ITÁLIA
Vice-Campeão do Mundo – Checoslováquia
Alemanha
Áustria

6 Outubro, 2005 at 6:04 pm Deixe um comentário

FÓRMULA 1 NO ESTORIL (IV)

Renault F1 - 2005

6 Outubro, 2005 at 4:09 pm Deixe um comentário

ECLIPSE

(foto via http://www.astrosurf.com/ceu/eclipseanular2005.html; ver também Agrupación Astronómica Io, da Coruña – também no blogue; pode ver também o video)

6 Outubro, 2005 at 2:06 pm Deixe um comentário

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS (XVIII) – FARO

FaroNum dos Distritos mais equilibrados do país, o PPD/PSD marcou ligeira supremacia nas eleições de 2001, com vitória em 9 concelhos, tendo o PS vencido os restantes 7 concelhos (na globalidade do Distrito, o PPD/PSD obteve 40,5 %, face a 40,4 % do PS – uma diferença de 166 votos).

Também a coligação PCP-PEV e o CDS-PP (este com a particularidade de concorrer em coligação com o PPM em Faro e Portimão) obtêm resultados equilibrados a nível geral do Distrito, com o PCP-PEV a ultrapassar os 10 % em 7 concelhos (com 31 % em Silves e Vila Real de Santo António) e o CDS-PP a oscilar entre os 2 % e os 5 % (alcançando 12,6 % em Portimão).

Apenas em Vila do Bispo e Vila Real de Santo António (em que os 3 primeiros ficaram separados por 12 %) os vencedores não conseguiram atingir a maioria absoluta. Na capital do Distrito, o PPD/PSD garantiu a vitória.

Os concelhos mais disputados foram os de Lagos e S. Brás Alportel (vitórias do PS, respectivamente por 100 e 177 votos), Faro (vitória do PPD/PSD com uma vantagem inferior a 3,5 % – 887 votos), Castro Marim e Vila do Bispo (vitórias do PPD/PSD, respectivamente por 187 e 179 votos).

(mapa via http://portugal.veraki.pt/)

                   PS   PPD/PSD  PSD-CDS  PCP-PEV  CDS/PP  BE  INDEP.
Albufeira         36,3    48,0       -      5,5     5,5     -     -
Alcoutim          31,8    55,3       -      4,7     3,5     -     -
Aljezur           60,2    15,6       -     17,3     1,1     -     -
Castro Marim      44,7    48,9       -      1,0     2,1     -     -
Faro              39,0    42,5       -     10,1     2,8*   1,6    -
Lagoa             33,6    54,2       -      5,4     3,2     -     -
Lagos             43,9    43,1       -      7,5     2,1     -     -
Loulé             44,0    46,8       -      1,5     2,3    1,6    -
Monchique         54,9    27,7       -     11,9     1,3     -     -
Olhão             48,8    29,8       -      7,7     7,5     -     -
Portimão          50,8    23,4       -      7,5    12,6*   1,4    -
S. Brás Alportel  42,3    38,7       -     10,1     5,3     -     -
Silves            17,8    42,5       -     31,6     2,3    0,9    -
Tavira            37,0    54,0       -      3,3     0,9     -     -
Vila Bispo        37,5    43,0       -     15,4     1,4     -     -
V. R. S. António  37,0    25,4       -     31,3     2,5    0,8    -

6 Outubro, 2005 at 12:30 pm Deixe um comentário

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS (XVII) – BEJA

BejaNão sendo já um Distrito com o domínio do Partido Comunista que se verificou nas décadas de 70 e 80, nas eleições de 2001 o PS venceu 7 concelhos do Distrito de Beja, mantendo ainda assim a coligação PCP-PEV o controlo de 5 concelhos, incluindo a capital do Distrito. O PPD/PSD, que regista aqui os seus piores resultados a nível nacional (com destaque para o 1,5 % em Mértola, 1,8 % em Cuba e 2,7 % em Barrancos), conseguiu não obstante vencer em Almodôvar e Ourique.

Alvito, Beja e Moura foram os únicos concelhos do Distrito em que os vencedores não obtiveram a maioria absoluta no executivo municipal.

Os concelhos mais disputados foram os de Moura (vitória da coligação PCP-PEV com uma vantagem de 3 (!) votos sobre o PS), Barrancos e Mértola (vitórias do PS, respectivamente por 12 e 57 votos), Beja (vitória da coligação PCP-PEV por 787 votos) e Almodôvar (vitória do PPD/PSD por 302 votos).

(mapa via http://portugal.veraki.pt/)

                   PS   PPD/PSD  PSD-CDS  PCP-PEV  CDS/PP  BE  INDEP.
Aljustrel         33,8     5,1       -     57,0      -      -     -
Almodôvar         43,2    48,4       -      2,8     0,6     -     -
Alvito            45,4    16,4       -     32,2     2,2     -     -
Barrancos         47,0     2,7       -     46,1      -      -     -
Beja              38,0    12,3       -     42,6     1,9    1,6    -
Castro Verde      28,2     8,7       -     56,0      -     3,8    -
Cuba              58,9     1,8       -     36,4     0,0     -     -
Ferreira Alentejo 52,1    13,9       -     29,7     1,6     -     -
Mértola           47,4     1,5       -     46,4     0,8     -     -
Moura             41,1    10,8       -     41,1     3,1     -     -
Odemira           53,0     6,7       -     34,9     0,8     -     -
Ourique           38,5    43,6       -     12,8     0,9    0,4    -
Serpa             30,9     5,1       -     55,1     3,4     -     -
Vidigueira        50,0     5,1       -     39,4     1,4     -     -

6 Outubro, 2005 at 8:30 am 2 comentários


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Outubro 2005
S T Q Q S S D
« Set   Nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.