Archive for 21 Maio, 2004

EURO 2004 (XL) – 1992

Fase Final (Suécia)

GRUPO A
Suécia – França . 1-1
Dinamarca – Inglaterra . 0-0
França – Inglaterra . 0-0
Suécia – Dinamarca . 1-0
Suécia – Inglaterra . 2-1
França – Dinamarca . 1-2

1º Suécia (5); 2º Dinamarca (3); França (2); 4º Inglaterra (2)

GRUPO B
Holanda – Escócia . 1-0
CEI – Alemanha . 1-1
Escócia – Alemanha . 0-2
Holanda – CEI . 0-0
Holanda – Alemanha . 3-1
Escócia – CEI . 3-0

1º Holanda (5); 2º Alemanha (3); 3º Escócia (2); 4º CEI (2)

1/2 FINAIS
Suécia – Alemanha . 2-3
Holanda – Dinamarca . 2-2 (4-5 no desempate por pontapés da marca de grande penalidade)

FINAL
Alemanha – Dinamarca . 0-2

1º Dinamarca
2º Alemanha
3º Holanda
3º Suécia
5º Escócia
6º França
7º Inglaterra
8º CEI

Campeões . Schmeichel, Sivebaek, Kent Nielsen, Lars Olsen, Henrik Larsen, Christofte, Jensen, Piechnick, Vilfort, Povlsen, Brian Laudrup, Christiansen, Heintze, Henrik Andersen, Peter Nielsen, Hansen, Bruum, Bartram, Molby, John Larsen, Goldbaek, Elstrup, Rasmussen, Helt, Steen Nielsen, Pingel, Michael Laudrup, Christensen, Claus Nielsen e Frank.

Melhores marcadores . Papin (França), 11 golos; Pancev (Jugoslávia), 10 golos; Van Basten (Holanda), 8 golos; Bergkamp (Holanda), 7 golos; Christensen (Dinamarca) e Knup (Suíça), 7 golos.

[1332]

21 Maio, 2004 at 10:15 pm

HERDEIROS (V)

O cargo de Presidente dos Estados Unidos da América é a função de maior poder no Mundo.

Como imaginar que pudesse ter um carácter “dinástico” ou hereditário? Qual a probabilidade de um filho Bush suceder ao pai Bush? Na América, tudo é possível, com a ajuda de uns milhões de dólares… Até um confronto G. W. Bush vs. Hillary Clinton!

É verdade que o “fundador do clã Kennedy” procurara criar condições para que o seu filho mais velho fosse Presidente; não tendo sido possível, apostou então em J. F. Kennedy e, posteriormente, de forma sucessiva, os seus irmãos seriam também candidatos à Casa Branca.

Exemplos de sucessões (conseguidas ou tentadas) na política há bastantes – os Gandhi (na Índia), Kadhafi (Líbia), Mobutu (Zaire), Kabila (Congo), Sukarno (Indonésia), Hafez al-Assad (Síria), os Butho (Paquistão), os Duvalier (Haiti), a dinastia Kim (da Coreia do Norte), ou o caso mais flagrante de culto de personalidade, o de Péron e as esposas Evita e Isabel (na Argentina)… -, mas caracterizam, mais em geral, regimes sul-americanos, africanos ou asiáticos; em Democracia, não existem dinastias políticas… (Adenauer, Churchill, De Gaulle, Kohl, Thatcher, Olof Palme tiveram filhos?).

Dois casos particulares a concluir: o português e o chileno.

No Chile, Salvador Allende, o Presidente comunista, morto no Golpe de Pinochet, de 11 de Setembro de 1973, tem na sua filha Isabel Allende uma “legítima” sucessora. O seu percurso foi diverso; depois de uma carreira literária, 30 anos passados sobre a deposição do pai – e após 16 anos de exílio no México -, a entretanto nomeada Presidente do Partido Socialista seria eleita para o cargo de Presidente da Câmara de Deputados (que o pai desempenhara também), como que numa reprise da democracia, após o longo “reinado” (de 17 anos) de Pinochet.

Em Portugal, Mário Soares, ele próprio sucessor de uma importante personalidade do nosso passado (o criador do Colégio Moderno), ao longo de uma luta política de décadas, foi trilhando passo a passo o longo caminho (uma verdadeira “maratona”) que o conduziria ao cargo mais elevado da nação. O filho João Soares sempre teve grandes dificuldades em conseguir saír da sua sombra. O apelido que “carrega” é demasiado pesado para que conseguisse impor-se por si próprio. Conseguiria chegar a Presidente da Câmara de Lisboa, mas a (inesperada) derrota autárquica de 2001 terá significado o fim das suas ambições políticas.

[1331]

21 Maio, 2004 at 11:05 am

“SITES E BLOGS” NA RÁDIO RENASCENÇA

Diariamente, de Segunda a Sexta-feira, no programa “Já se Faz Tarde!”, da Rádio Renascença, antes das 20 horas, o jornalista Pedro Caeiro apresenta a rubrica “Sites e Blogs”, com “toda a informação sobre novos sites e blogs”.

É com grande satisfação que agradeço a distinção do destaque dado ao Memória Virtual no dia 19:

“Chama-se Memória Virtual. É um blog de conteúdo genérico-universal, como o próprio autor o diz, com o objectivo de “divulgar o que de melhor vai acontecendo em Portugal e no Mundo”.

“Em http://memoriavirtual.weblog.com.pt, Leonel Vicente sugere, por exemplo, uma visita à exposição de fotografia que está aberta 24 horas, ao ar livre, no Terreiro do Paço, em Lisboa. A Terra Vista do Céu-Um Retrato Aéreo do Nosso Planeta é o título.”

P. S. Timor-Leste, o primeiro país do Século XXI, comemorou ontem o 2º aniversário da sua independência. A ler, o artigo de Paulo Gorjão no “Público” – “Os desafios no horizonte de Timor Leste”.

[1330]

21 Maio, 2004 at 8:50 am 1 comentário


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.