Archive for 26 Julho, 2007

MPB.pt (V) – MILTON NASCIMENTO (8 de Maio de 2005)

“Bom, não era usual uma família branca pegar um menino negro para criar. Mas pegavam menina. Para ser criada. Eles davam instrução até um certo ano de escola e depois a menina ficava sendo empregada. […]

Eu sendo homem, na cidade ninguém entendeu nada. Porque é que eles tinham me adoptado? Só que na nossa casa nunca teve distinção de nada. Nem de cor. Nós somos três filhos adoptivos. Minha mãe não podia ter filho porque no primeiro que ela teve houve um erro médico que matou a criança e quase matou ela. Aí, ela adoptou três e, de repente, ficou grávida da mais nova. […]

Essa família é a coisa mais linda que Deus me deu. Acho que estou aqui, hoje, por causa deles. […]

Lá, em Três Pontas, em Minas, onde fui criado, tinha preconceito. Não na minha família, mas nos habitantes. […]

Agora, uma coisa mais incrível é que tinha mais preconceito de negro contra negro. Contra mim. Porque eu andava bem vestido, estudava. […]

Sei que meu pai brigou com muita gente por minha causa e minha mãe sofreu muito por minha causa. O pessoal falava: para quê adoptar um crioulinho que mais tarde, quando precisarem dele, não vai querer nem saber de vocês; quando ele crescer vai pegar o rumo e esquecer de vocês. Isso é uma coisa que jogavam na minha mãe. Não foi legal.”

MPB.pt, Carlos Vaz Marques, Edições Tinta-da-china, Dezembro 2006

26 Julho, 2007 at 8:33 am 2 comentários


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Julho 2007
S T Q Q S S D
« Jun   Ago »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.