Archive for 19 Julho, 2007

O CODEX ARQUIMEDES (IV)

Quem foi Arquimedes?

Matemático e inventor grego, um dos maiores cientistas de todos os tempos – pelas ferramentas que criou e pela forma como a ciência subsequente se viria a desenvolver com base na sua investigação e descobertas, fundando a combinatória (que viria a originar a teoria das probabilidades) –, nasceu em Siracusa (Sicília), então a principal cidade grega do Mediterrâneo Ocidental, por volta do ano 287 a.C., tendo sido educado em Alexandria (Egipto), acabando por se fixar em Siracusa, aí falecendo no ano 212 a.C., aquando do ataque dos Romanos.

Viria a criar um método para calcular o número π (3,1415926535) , o qual traduz a razão entre o perímetro de uma circunferência e o seu diâmetro.

A sua descoberta mais célebre ficaria conhecida como o “Princípio de Arquimedes”: qualquer corpo imerso num fluido em repouso sofre, por parte desse fluido, uma força vertical para cima, cuja intensidade é igual ao peso do fluido deslocado pelo corpo.

Na mecânica, ficou célebre a sua descoberta da alavanca, com a mítica expressão: “Dêem-me um ponto de apoio e eu levantarei o mundo”.

19 Julho, 2007 at 8:41 am Deixe um comentário


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Julho 2007
S T Q Q S S D
« Jun   Ago »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.