Archive for 17 Julho, 2007

O CODEX ARQUIMEDES (II)

O Codex Arquimedes conta-nos a história do palimpsesto e dos textos nele inscritos – desde a sua origem, numa viagem de mais de 2 200 anos –, seguindo o seu “rasto”, os seus desaparecimentos e a forma como foi descoberto, recuperado, restaurado e decifrado, revelando textos do mundo antigo, mudando a história da ciência.

Incompleto, e bastante danificado, é, não obstante, o mais antigo manuscrito existente de Arquimedes, com os seus 174 fólios, constituindo-se na única fonte em grego do seu tratado mais célebre, Dos Corpos Flutuantes, e o único que compreende os textos do Método e do Stomachion.

Desde o leilão no final de Outubro de 1998 – em que o palimpsesto foi vendido a um mecenas anónimo por 2 milhões de dólares, a que acrescem 200 000 dólares de comissão –, à sua chegada ao Museu Walters, em Janeiro de 1999, ao início dos trabalhos por uma vasta equipa, já em Junho de 1999, passando pela separação das folhas (apenas iniciada em Abril de 2000, com os últimos fólios a serem separados em Novembro de 2004!), culminando nas grandes descobertas de 2001 (o Método, ou o “Infinito revelado”) e 2003 (“Stomachion“).

17 Julho, 2007 at 8:42 am Deixe um comentário


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Julho 2007
S T Q Q S S D
« Jun   Ago »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.