Liga dos Campeões – Final – Juventus – Real Madrid

3 Junho, 2017 at 10:40 pm Deixe um comentário

JuventusJuventus – Gianluigi Buffon, Andrea Barzagli (66m – Juan Cuadrado), Leonardo Bonucci, Giorgio Chiellini, Dani Alves, Miralem Pjanić (71m – Claudio Marchisio), Sami Khedira, Alex Sandro, Paulo Dybala (78m – Mario Lemina), Gonzalo Higuaín e Mario Mandžukić

Real Madrid – Keylor Navas, Daniel Carvajal, Sergio Ramos, Raphaël Varane, Marcelo, Toni Kroos (89m – Álvaro Morata), Casemiro, Luka Modrić, Isco (82m – Marco Asensio), Karim Benzema (77m – Gareth Bale) e Cristiano Ronaldo

0-1 – Cristiano Ronaldo – 20m
1-1 – Mario Mandžukić – 27m
1-2 – Casemiro – 61m
1-3 – Cristiano Ronaldo – 64m
1-4 – Marco Asensio – 90m

Cartões amarelos – Paulo Dybala (12m), Miralem Pjanić (66m), Alex Sandro (70m) e Juan Cuadrado (72m); Sergio Ramos (31m), Daniel Carvajal (42m), Toni Kroos (53m) e Marco Asensio (90m)

Cartão vermelho – Juan Cuadrado (84m)

Árbitro – Felix Brych (Alemanha)

Confirmando a sua supremacia global na principal prova de futebol de clubes, o Real Madrid, conquistando o seu terceiro troféu nos últimos quatro anos, atravessa novo período hegemónico, tendo sido, paralelamente, o primeiro emblema a conseguir repetir a vitória em duas edições da Liga dos Campeões, sob o seu formato actual.

O marcador final é algo ilusório de facilidades que, apenas na derradeira meia hora se manifestaram. Efectivamente, numa primeira metade bem repartida, e não obstante os espanhóis tenham começado por inaugurar o marcador, a Juventus rapidamente restabeleceria a igualdade, resultado justo com que se chegaria ao intervalo.

No segundo tempo, a toada parecia continuar a ser de equilíbrio, com Keylor Navas a ser colocada a prova, até que, num remate feliz de Casemiro (de longa distância, com um desvio a trair Buffon), o Real Madrid voltou a colocar-se em vantagem.

O segundo tento de Cristiano Ronaldo – que lhe proporcionou o título de melhor marcador da prova pela sexta vez, as cinco últimas de forma consecutiva -, apontado apenas três minutos volvidos, sentenciaria o desfecho desta final.

A expulsão de Cuadrado – forçada por Sérgio Ramos -, a seis minutos do final, numa fase em que a Juventus já se tinha “entregue”, não teve outras implicações que o poder ter contribuído para facilitar o atingir da goleada, por parte dos vencedores.

Com um conjunto muito sólido, que teve a capacidade para contrariar a forte organização italiana (viria a sofrer mais golos neste jogo decisivo do que nos 12 encontros disputados anteriormente, até chegar à final de Cardiff), o Real Madrid foi um justo vencedor, possibilitando também a Cristiano Ronaldo – em grande destaque esta noite – sagrar-se Campeão Europeu pela quarta vez (2008, 2014, 2016 e 2017).

A lista de vencedores, nas 62 edições já disputadas da competição, passou a ser assim ordenada: Real Madrid, 12 (1955-56, 1956-57, 1957-58, 1958-59, 1959-60, 1965-66, 1997-98, 1999-00, 2001-02, 2013-14, 2015-16 e 2016-17); AC Milan, 7 (1962-63, 1968-69, 1988-89, 1989-90, 1993-94, 2002-03 e 2006-07); Liverpool, 5 (1976-77, 1977-78, 1980-81, 1983-84 e 2004-05); Bayern München, 5 (1973-74, 1974-75, 1975-76, 2000-01 e 2012-13); Barcelona, 5 (1991-92, 2005-06, 2008-09, 2010-11 e 2014-15); Ajax, 4 (1970-71, 1971-72, 1972-73 e 1994-95); Inter, 3 (1963-64, 1964-65 e 2009-10); Manchester United, 3 (1967-68, 1998-99 e 2007-08); Benfica, 2 (1960-61 e 1961-62); Nottingham Forest, 2 (1978-79 e 1979-80); Juventus, 2 (1984-85 e 1995-96); FC Porto, 2 (1986-87 e 2003-04);  Celtic (1966-67); Feyenoord (1969-70); Aston Villa (1981-82); Hamburg (1982-83); Steaua București (1985-86); PSV Eindhoven (1987-88); Crvena Zvezda (1990-91); Marseille (1992-93); Borussia Dortmund (1996-97); e Chelsea (2011-12).

Anúncios

Entry filed under: Desporto.

Benfica / FC Porto / Sporting – Títulos Letónia – Portugal (Mundial 2018 – Qualif.)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Junho 2017
S T Q Q S S D
« Maio   Jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: