O pulsar do campeonato – 9ª jornada

12 Maio, 2013 at 10:30 am Deixe um comentário

Templario - 09-05-2013

(“O Templário”, 09.05.2013)

Ainda com uma ronda por disputar (quase) tudo ficou já decidido!

Efectivamente, na sequência dos resultados da penúltima jornada, o Riachense sagrou-se Campeão Distrital da Divisão Principal, proeza que alcança pela terceira vez sucessiva, nas suas últimas três participações na competição, em 2008-09, 2009-10 e, agora, 2012-13; Coruchense e U. Abrantina asseguraram matematicamente a manutenção; Glória do Ribatejo e Moçarriense são as equipas despromovidas à II Divisão Distrital; U. Chamusca, Emp. Comércio e Assentiz garantiram a promoção à I Divisão Distrital da próxima época (resta apurar, na ronda derradeira, o Campeão da Divisão Secundária); o União de Tomar terá de ficar no limbo provavelmente ainda durante algumas semanas, dependente da classificação que o Alcanenense vier a obter no Campeonato Nacional da III Divisão.

Num fim-de-semana assinalado pelo 99.º aniversário do União de Tomar, celebrado no passado sábado, 4 de Maio, primeiro dia do ano do centenário do clube, houve motivos de festa no feriado de 1.º de Maio, com a conquista, pela equipa de juniores dos unionistas, da Taça Ribatejo, vencendo no Entroncamento, no termo de uma empolgante Final, a favorita formação do Alcanenense, por 3-2. Os jovens de Alcanena adiantaram-se no marcador logo aos sete minutos, para, também no início (aos oito minutos) do segundo tempo, ampliarem a marca para 2-0; depois, num fantástico período de cerca de um quarto de hora, denotando uma extraordinária capacidade de reacção, o União, marcando dois golos num minuto, começou por chegar ao empate, desperdiçou ainda uma grande penalidade, para acabar por fixar o resultado em 3-2 (golos de Vinicius, Daniel Bento e Vítor Félix). Um triunfo justo e efusivamente festejado; um belo e merecido presente de anos.

Porém, o dia seguinte ao aniversário traria um amargo de boca aos nabantinos, com o surpreendente desaire caseiro, no escalão de seniores, frente ao Moçarriense, perdendo por 1-2. Numa partida em que, uma vez mais, o União, não obstante se ter colocado em vantagem no marcador ainda relativamente cedo, começou por não ter aquela pontinha de sorte (duas bolas na trave, mais três potentes remates de meia distância, a obrigar o concentrado guardião contrário a defesas de recurso, mas de plena eficácia); depois, na fase final do encontro, já com as forças muito depauperadas, arriscando tudo em busca do triunfo – de que imperiosamente necessitava para acalentar ainda esperanças de poder vir a garantir a manutenção –, acabou por vir a sofrer o segundo golo, num contra-golpe do adversário, no último dos quatro minutos de tempo de compensação…

No “jogo do título”, o Riachense não desperdiçou a oportunidade que se lhe deparava: somando a sua quinta vitória consecutiva, frente ao Mação (2-1), assegurou matematicamente a reconquista do título, assim evitando correr riscos na derradeira jornada, em que se desloca ao terreno do Amiense, até esta ronda o último candidato resistente, convertendo assim tal desafio em jogo de consagração. De facto, o empate entre At. Ouriense e Amiense (1-1) – segundo em outros tantos prélios entre estes contendores, no período de cinco dias – permitiu à turma de Riachos ampliar para inatingíveis seis pontos o seu avanço. No outro prélio da jornada, o tranquilo Fazendense, vencendo por 3-0 em Benavente, cota-se como a terceira equipa mais pontuada nesta série de promoção, na segunda fase da prova, apenas superada pelos dois primeiros.

Ao Amiense resta a consolação de – para além da posição de vice-campeão – ter conquistado também a Taça Ribatejo, em Final igualmente disputada no Entroncamento (em paralelo com a Final da prova de juniores), precisamente ante o At. Ouriense, tendo vencido no desempate da marca de grande penalidade, após o nulo registado no termo do período regulamentar.

Na série de disputa da manutenção, com a vitória do Coruchense sobre o Pontével (2-1), bastou à U. Abrantina o empate a zero com o Glória do Ribatejo para, conjugado, com o resultado do União de Tomar, assegurar a tranquilidade para as formações de Coruche e de Abrantes.

Quanto aos nabantinos, que terminarão a prova no 4.º lugar desta série – apenas acima dos despromovidos Glória do Ribatejo e Moçarriense –, resta a esperança e a confiança no desempenho do Alcanenense na III Divisão, de forma a poder ainda manter-se na I Divisão Distrital. Faltando ainda quatro jornadas para o termo do campeonato, o grupo de Alcanena ocupa, nesta altura, o terceiro lugar da sua série, com uma pontuação que lhe conferiria o direito à promoção ao futuro Campeonato Nacional de Seniores; mais: os três primeiros (Sourense, V. Sernache e Alcanenense) somam já quatro vitórias cada um (em seis jornadas disputadas nesta fase final), face a apenas um triunfo obtido por cada um dos três restantes concorrentes, o que poderá constituir um bom indício para o que resta disputar. Porém, a margem de que a formação de Alcanena dispõe é ainda bastante escassa: apenas dois pontos de vantagem sobre o Caldas (onde foi vencer nesta jornada), e três pontos de avanço em relação ao Oliv. Hospital. Pelo que deverá vir a ser necessário sofrer até ao fim (última ronda agendada apenas para 1 de Junho)…

A derradeira jornada dos campeonatos distritais pouco mais servirá do que para cumprir calendário, com o Campeão Riachense a visitar o vice-campeão Amiense, enquanto o Fazendense recebe o At. Ouriense, e o Mação defronta o Benavente. O União concluirá a sua participação na prova em deslocação a Pontével, com o Moçarriense a receber a U. Abrantina e o Glória do Ribatejo a ser visitado pelo Coruchense.

(Artigo publicado no jornal “O Templário”, de 9 de Maio de 2013)

Anúncios

Entry filed under: Tomar.

Vogais e consoantes politicamente incorrectas do acordo ortográfico Festa Templária – Tomar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Maio 2013
S T Q Q S S D
« Abr   Jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: