Barack Obama reeleito Presidente dos EUA

7 Novembro, 2012 at 7:57 am Deixe um comentário

Confirmando a tendência que se foi desenhando e consolidando ao longo da noite, vencendo praticamente todos os “Battle States” (à excepção da North Carolina), Barack Obama garantiu a reeleição como Presidente dos Estados Unidos da América, acabando por confirmar as expectativas que decorriam das sondagens, contando nesta altura (7h50 da manhã) com uma vantagem de 303 – 206 a nível de “Grandes Eleitores” – quando falta apenas definir o vencedor no estado da Florida.

Comparativamente à eleição de 2008, Obama apenas não conseguiu manter a vitória nos Estados do Indiana e da North Carolina. Foi a seguinte a repartição de triunfos por Estado:

  • Barack Obama – 303 “Grandes Eleitores” / 25 Estados: California (55), Colorado (9), Connecticut (7), Delaware (3), Hawaii (4), Illinois (20), Iowa (6), Maine (4), Maryland (10), Massachussetts (11), Michigan (16), Minnesota (10), Nevada (6), New Hampshire (4), New Jersey (14), New Mexico (5), New York (29), Ohio (18), Oregon (7), Pennsylvania (20), Rhode Island (4), Vermont (3), Virgínia (13), Washington (12) e Wisconsin (10); para além do District of Columbia (3).
  • Mitt Romney  – 206 “Grandes Eleitores” / 24 Estados: Alabama (9), Alaska (3), Arizona (11), Arkansas (6), Georgia (16), Idaho (4), Indiana (11), Kansas (6), Kentucky (8), Louisiana (8), Mississippi (6), Missouri (10), Montana (3), Nebraska (5), North Carolina (15), North Dakota (3), Oklahoma (7), South Carolina (9), South Dakota (3), Tennessee (11), Texas (38), Utah (6), West Virginia (5) e Wyoming (3).

Na Florida (29), com 97% do escrutínio realizado, Barack Obama lidera por curta margem (50% / 49%), com uma vantagem de cerca de 44 mil votos, pelo que poderá ainda ampliar a sua contagem de “Grandes Eleitores”, que se poderá fixar em 332 (face aos 365 de há quatro anos).

Uma vitória “em toda a linha”, também dos institutos de sondagens, que registam uma precisão quase total, em termos de tendências de triunfo Estado a Estado, podendo apenas ter falhado na Florida (caso se venha a concretizar a vantagem de Obama), situação ainda a confirmar.

Em termos globais, Barack Obama, somando um total (provisório) de cerca de 58,5 milhões de votos, face a 56,3 milhões de votos para Mitt Romney, vence portanto, também a nível nacional, em termos percentuais, por cerca de 51% a 49%.

Anúncios

Entry filed under: Eleições EUA - 2012.

Actualização a nível de “Grandes Eleitores” e dos “Battle States”, às 3h00 Eleições Presidenciais EUA – Resultados (provisórios – actualização às 10h15)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Novembro 2012
S T Q Q S S D
« Out   Dez »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: