O pulsar do campeonato – 20.ª jornada

8 Março, 2015 at 11:00 am Deixe um comentário

Pulsar - 20

(“O Templário”, 05.03.2015)

A seis jornadas do termo do Campeonato Distrital da I Divisão, a prova volta a estar ao rubro, assistindo-se a um novo reagrupamento na frente da pauta classificativa, em que o principal beneficiado da última ronda poderá até ter sido o Fazendense, clube que torna a integrar o quarteto de potenciais candidatos ao título, com os três primeiros (Coruchense, Empregados do Comércio e União de Tomar) agora intervalados entre cada um deles por apenas um ponto, com o grupo de Fazendas de Almeirim somente dois pontos mais abaixo, portanto a quatro do guia.

Tal compactar de posições decorreu do empate averbado pelo líder, Coruchense, na difícil deslocação a Torres Novas, onde, aliás, esteve em posição de desvantagem até perto do final, tendo acabado por conseguir o golo que permitiu o “mal menor”, a igualdade a uma bola.

Um deslize que o trio de perseguidores aproveitou, saindo vitorioso dos respectivos desafios: de forma categórica, no caso do União de Tomar, goleando o Benavente por 5-1 (com destaque para mais dois tentos apontados por Pelé, ampliando a sua conta para 20 golos, à 20.ª jornada), numa prova cabal de que o grupo unionista não ficou afectado pelo desaire da ronda anterior; com bastante mais dificuldade, por margem tangencial, nos casos dos Empregados do Comércio (2-1, no derby escalabitano, frente ao U. Santarém) e do Fazendense (1-0 na Barrosa – somando terceiro triunfo sucessivo, a melhor série actualmente em curso, depois de ter iniciado a segunda metade da competição com quatro empates –, impondo, por outro lado, a sétima derrota consecutiva ao Barrosense, que perdeu todos os jogos desta segunda volta).

Das restantes equipas da primeira metade da tabela só o Mação venceu também, igualmente por margem tangencial, em Pontével, por 3-2, ascendendo à 6.ª posição, agora apenas a dois pontos do Torres Novas. Nos outros encontros da ronda, um empate (2-2) entre duas equipas confortavelmente instaladas a meio da tabela, em Amiais de Baixo, entre Amiense (que se mantém como segundo clube mais pontuado nesta segunda volta) e Cartaxo; e um bom triunfo (4-2) do U. Chamusca, na recepção ao Rio Maior, crucial para poder continuar a alimentar aspirações à manutenção, num cenário em que começa a parecer cada vez mais provável que possam ter de vir a ser despromovidas até cinco equipas.

Em tal hipótese, Barrosense e U. Santarém, distanciados, respectivamente, oito e dez pontos do Pontével (9.º classificado) começam a ver traçado o seu destino. À semelhança da disputa dos lugares do topo da tabela, também neste caso, numa luta que se antecipa ser titânica até final, envolvendo um total de seis clubes – com a tal perspectiva de apenas um poder vir a manter-se no principal escalão –, parece haver agora quatro equipas em condições de pelejar por tal vaga, pese embora o atraso de cinco pontos dos chamusquenses, com o Benavente também em posição algo periclitante, a quatro pontos da formação do município do Cartaxo. Curiosamente, quer Pontével, quer Rio Maior e Benavente somam quatro derrotas nas cinco últimas jornadas (sucessivas no caso dos pontevelenses), pelo que, nesta altura, é uma incógnita antecipar quem poderá vir a alcançar a “salvação”.

Na II Divisão Distrital, está concluída a primeira fase, confirmando-se o apuramento para a fase seguinte – de disputa do título de Campeão e dos três lugares de promoção ao principal escalão – das equipas da U. Abrantina (vencedor da série, apesar do empate caseiro cedido ante o Caxarias), Pego (goleando por 5-0 no Rossio ao Sul do Tejo) e Assentis (também com uma goleada, por 5-1, na recepção ao Sabacheira); e, a Sul, Moçarriense (também vencedor de série, ao empatar a um golo em Almeirim), U. Almeirim e Glória do Ribatejo (que deixou escapar o 1.º lugar, não aproveitando a igualdade entre os dois primeiros, não tendo também conseguido melhor que o empate, a três bolas, na recepção ao Goleganense). As seis equipas apuradas disputarão agora o título num torneio a duas voltas, em sistema de todos contra todos, recomeçando a contagem pontual do zero.

Por fim, no Campeonato Nacional de Seniores, tendo o Fátima folgado, as outras duas equipas do Distrito foram derrotadas: o Alcanenense, por 2-0 ante o U. Leiria; tendo o At. Ouriense sido goleado por 4-0 na Sertã. Em função destes resultados, Alcanenense, Fátima e At. Ouriense ocupam agora os três últimos lugares da classificação (sendo que apenas uma dessas posições possibilita a garantia de manutenção). Não obstante, a turma de Alcanena está somente a um ponto de Torreense e Eléctrico de Ponte de Sôr; dispondo, por outro lado, também de curta vantagem, de dois pontos, sobre o Fátima, equipa que já folgou nesta primeira volta, contando portanto com um jogo a menos.

Na próxima jornada, no Distrital, o Coruchense parece ter tarefa mais “facilitada”, recebendo o Pontével, equipa que se debate com a referida série de quatro derrotas consecutivas, assumindo portanto elevada dose de favoritismo; por seu lado, os Empregados do Comércio enfrentam mais um sério teste à sua capacidade de resiliência, na viagem até Mação (grupo que obteve três triunfos nos últimos quatro desafios no campeonato). Mas o jogo grande da ronda disputa-se em Fazendas de Almeirim, entre o 4.º (Fazendense) e o 3.º classificado (União de Tomar), numa partida determinante para as aspirações de qualquer um deles, com uma eventual derrota a poder traduzir-se praticamente num “adeus ao título”. Outros encontros de interesse serão o Benavente-Torres Novas, o Rio Maior-Amiense e o U. Santarém-U. Chamusca.

No Campeonato Nacional de Seniores, que atinge já a quarta jornada da segunda fase, o Alcanenense recebe o Sertanense, enquanto o Fátima é visitado pelo Eléctrico de Ponte de Sôr, cabendo ao At. Ouriense folgar.

(Artigo publicado no jornal “O Templário”, de 5 de Março de 2015)

Anúncios

Entry filed under: Tomar.

Nelson Évora Campeão da Europa de Pista Coberta Liga dos Campeões – 1/8 Final (2ª mão)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Março 2015
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.


%d bloggers like this: