Archive for 22 Outubro, 2008

Liga dos Campeões – 3ª Jornada

Grupo A
Bordeaux – CFR Cluj – 1-0
Chelsea – Roma – 1-0

1º Chelsea, 7; 2º CFR Cluj, 4; 3º Roma e Bordeaux, 3

Grupo B
Inter – Anorthosis Famagusta – 1-0
Panathinaikos – Werder Bremen – 2-2

1º Inter, 7; 2º Anorthosis, 4; 3º Werder Bremen, 3; 4º Panathinaikos, 1

Grupo C
Shakhtar Donetsk – Sporting – 0-1
Basel – Barcelona – 0-5

1º Barcelona, 9; 2º Sporting, 6; 3º Shakhtar Donetsk, 3; 4º Basel, 0

Grupo D
Atlético Madrid – Liverpool – 1-1
PSV Eindhoven – Marseille – 2-0

1º Liverpool e Atlético Madrid, 7; 3º PSV Eindhoven, 3; 4º Marseille, 0

Grupo E
Villarreal – AaB Aalborg – 6-3
Manchester United – Celtic – 3-0

1º  Manchester United e Villarreal, 7; 3º Celtic e AaB Aalborg, 1

Grupo F
Bayern Munchen – Fiorentina – 3-0
Steaua Bucureşti – Lyon – 3-5

1º Bayern Munchen, 7; 2º Lyon, 5; 3º Fiorentina, 2, 4º Steaua Bucureşti, 1

Grupo G
Fenerbahçe – Arsenal – 2-5
FC Porto – Dynamo Kyiv – 0-1

1º Arsenal, 7; 2º Dynamo Kyiv, 5; 3º FC Porto, 3; 4º Fenerbahçe, 1

Grupo H
Zenit St. Petersburg – BATE Borisov – 1-1
Juventus – Real Madrid – 2-1

1º Juventus, 7; 2º Real Madrid, 6; 3º BATE Borisov, 2; 4º Zenit St. Petersburg, 1

Após a comprometedora derrota de ontem do FC Porto – falho de soluções, sem conjunto, denotando ser uma das mais fracas equipas do clube dos últimos anos -, o Sporting, começando por resistir às investidas do adversário, acabaria por desferir o golpe decisivo no jogo, numa intervenção bastante oportuna de Liedson (aproveitando da melhor forma uma inteligente assistência – de calcanhar! – de Derlei), entrando assim na história, passando a ser o melhor marcador da equipa nas competições europeias.

Com esta vitória, não só se regista um empate no duplo confronto luso-ucraniano desta jornada, como fica praticamente garantida a continuidade sportinguista nas provas deste ano, seja por via da Liga dos Campeões – o que pode consumar já na próxima ronda, se vencer novamente o Shakhtar, agora em casa – ou, na pior das hipóteses, pela transição para a Taça UEFA. 

22 Outubro, 2008 at 9:42 pm Deixe um comentário

Novos blogues na TSF

O site da TSF vai acolher novos blogues, com destaque para o blogue associado ao programa “Governo Sombra” (em que Carlos Vaz Marques modera o debate entre João Miguel Tavares, Pedro Mexia e Ricardo Araújo Pereira), previsto ainda para este mês, e para “No Fim da Rua”, do repórter Rui Miguel Silva, a lançar em Novembro.

Estes blogues juntam-se aos actualmente já agregados na página da rádio, nomeadamente “O Meu Mundo Digital“, de Rui Tukayana, e “Mais Tarde ou Mais Cedo“, de João Paulo Meneses.

22 Outubro, 2008 at 12:20 pm Deixe um comentário

Orçamento do Estado 2009 – Principais implicações – IRS

Rendimentos do trabalho dependente

As importâncias suportadas pela entidade patronal com a aquisição de passes sociais a favor dos seus trabalhadores deixam de constituir um rendimento tributável em sede de IRS, desde que a sua atribuição tenha carácter geral.

Mais-valias imobiliárias

É alargado, de 24 para 36 meses, o período durante o qual os contribuintes poderão reinvestir o valor de realização decorrente da alienação de habitação própria e permanente, de forma a evitar a tributação da mais-valia em sede de IRS.

Por outro lado, é alargado de 12 para 24 meses o período durante o qual o reinvestimento dos valores de realização pode ocorrer através da aquisição de um imóvel em data anterior à alienação que deu origem à mais-valia.

Transparência fiscal

Passam a ser tributados na esfera dos sócios das sociedades sujeitas ao regime da transparência fiscal os adiantamentos por conta de lucros, sempre que o respectivo valor seja superior ao lucro imputado pela sociedade.

Taxas

Mantêm-se as taxas marginais entre 10,5 % e 42 %, sendo os escalões actualizados em 2,5 %.

Deduções à colecta

As deduções à colecta respeitantes a juros do crédito à habitação vão aumentar até 50 % nos dois primeiros escalões, 25 % no terceiro escalão e 10 % no quarto e último escalão.

São actualizadas as deduções relativas a despesas de saúde sujeitas à taxa de IVA de 20 %, à aquisição de equipamentos novos para utilização de energias renováveis e a prémios de seguros.

Passa a ser dedutível à colecta o valor de 796 €, correspondente a 30 % das importâncias despendidas com a aquisição de veículos sujeitos a matrícula, exclusivamente eléctricos ou movidos a energias renováveis não combustíveis.

Sujeitos passivos com deficiência

Os rendimentos brutos das categorias A, B e H obtidos em 2009 por sujeitos passivos deficientes apenas serão tributados em 90 % do seu montante. Porém, o montante excluído de tributação (10 % do rendimento bruto) não poderá exceder o correspondente a 2 500 € em cada uma daquelas categorias.

O montante dedutível à colecta por cada sujeito passivo com deficiência passa para quatro vezes a retribuição mínima mensal.

Benefícios fiscais

É alargado o benefício fiscal relativo à aquisição de computadores de uso pessoal.

22 Outubro, 2008 at 8:44 am Deixe um comentário


Autor – Contacto

Destaques

Benfica - Quadro global de resultados - Printscreen Tableau
Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Outubro 2008
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.