Posts filed under ‘Mundial 2010’

Mundial 2010 – Portugal – Coreia do Norte

Portugal Coreia do Norte 7-0

Portugal Eduardo, Miguel, Bruno Alves, Ricardo Carvalho, Fábio Coentrão, Pedro Mendes, Tiago, Raul Meireles (70m – Miguel Veloso), Cristiano Ronaldo, Simão Sabrosa (74m – Duda) e Hugo Almeida (77m – Liedson)

Coreia do Norte Ri Myong-Guk, Cha Jong-Hyok (75m – Nam Song-Chol), Pak Chol-Jin, Ri Jun-Il, Ji Yun-Nam, Ri Kwang-Chon, An Yong-Hak, Mun In-Guk (58m – Kim Yong-Jun), Pak Nam-Chol (58m – Kim Kum-Il), Hong Yong-Jo e Jong Tae-Se

1-0 – Raul Meireles – 29m
2-0 – Simão Sabrosa – 53m
3-0 – Hugo Almeida – 56m
4-0 – Tiago – 60m
5-0 – Liedson – 81m
6-0 – Cristiano Ronaldo – 87m
7-0 – Tiago – 89m


(foto via TSF)

Num jogo em que o único resultado aceitável era a vitória portuguesa, dado não só o desnível de potencial entre ambas as selecções, mas também o calendário do grupo de apuramento, e na sequência do nulo registado na jornada inaugural, a selecção nacional entrou em campo com boa disposição, deliberadamente ofensiva, criando duas ocasiões de perigo, logo aos 4 e aos 6 minutos, ambas por… Ricardo Carvalho: primeiro, num falhado remate à meia-volta; e, logo de seguida, acertando novamente no poste.

Não aproveitadas estas oportunidades decorrentes de uma entrada com algum fulgor, a Coreia do Norte começou gradualmente a ganhar confiança, tornando-se cada vez mais atrevida, começando por dar um primeiro sinal de aviso à passagem dos 10 minutos, com um remate a rasar o poste, nova ameaça aos 17 minutos e, ainda outra, cerca dos 23 minutos, fase em que a equipa portuguesa parecia algo aturdida coma a reacção coreana.

Procurando acalmar a toada algo precipitada, Portugal veria coroada de êxito uma boa jogada, com Tiago a fazer uma boa abertura, para uma excelente finalização de Raul Meireles, a marcar o golo inaugural da equipa portuguesa na prova, jogava-se o 29º minuto da partida.

Daí até final do primeiro tempo, apenas digno de menção um remate cruzado, da esquerda para a direita, de Cristiano Ronaldo, a sair ligeiramente ao lado da baliza, já com 41 minutos e, mesmo a fechar, uma iniciativa de Simão, porém com o cruzamento a não sair bem.

A selecção da Coreia do Norte iniciava a segunda parte do jogo, na condição de eliminada… mas seria a equipa portuguesa a assumir, de novo, a iniciativa do jogo, com Tiago, com um bom remate, a colocar à prova a atenção do guarda-redes adversário logo no minuto inicial, a que responderiam de imediato os coreanos, obrigando Eduardo a “dizer presente”.

Num reinício animado, seria Hugo Almeida a dividir uma bola com o guarda-redes norte-coreano, em mais uma jogada de perigo eminente. E, de seguida, um livre apontado por Jong Tae-Se, com Eduardo a mostrar estar concentrado.

Pouco depois, Hugo Almeida, desenquadrado da baliza, não conseguiria dar a melhor sequência a uma boa jogada da ofensiva portuguesa. Antes de a equipa da Coreia do Norte se desequilibrar por completo, ante o turbilhão ofensivo português, com 3 golos no espaço de 7  minutos, marcados sucessivamente por Simão Sabrosa, Hugo Almeida e Tiago.

Após 10 minutos de sonho (que, já noutras circunstâncias, viria a repetir a findar o encontro), Portugal acalmaria a toada, procurando aliciar a equipa coreana a subir no terreno, visando explorar eventuais situações de contra-ataque.

Cristiano Ronaldo ainda acertaria com estrondo na trave, em mais um potente remate. Do outro lado, Jong Tae-Se ameaçaria uma vez mais Eduardo, já na aproximação dos 80 minutos, precisamente antes de mais um golo português, o quinto, por Liedson, entrado em campo escassos minutos antes.

Haveria ainda tempo para o consumar do descalabro coreano, com um golo risível de Cristiano Ronaldo, a beneficiar de uma carambola do esférico no guarda-redes, que lhe tabelou na nuca, ressaltando para a cabeça, antes de cair no chão, à mercê de um leve empurrão para a baliza com o pé, e, de seguida, com Tiago, com mais uma excelente execução de cabeça, a bisar.

Com uma boa exibição, não obstante ter sido alcançada frente a um débil opositor, Portugal beneficiaria do mérito de ter obrigado a equipa coreana a abrir o seu jogo, desequilibrando por completo (destroçando mesmo) a sua estrutura defensiva, o que conseguiria aproveitar da melhor forma, com alto grau de eficácia, sem nunca abdicar de procurar dilatar a marca.

Depois dos 5-3 de 1966, outro Portugal – Coreia do Norte entra na história dos Mundiais: 7-0!

E, com 9 (!) golos de vantagem em relação à Costa do Marfim, só uma absolutamente indesejável catástrofe impediria Portugal de prosseguir para os 1/8 Final…

Melhor jogador – Cristiano Ronaldo

Amarelos – Pak Chol-Jin (32m) e Hong Yong-Jo (47m); Pedro Mendes (38m) e Hugo Almeida (70m)

Árbitro – Pablo Pozo (Chile)

Cape Town (12h30)


(CNN)

O jogo visto no Twitter, via The Guardian.

Crónica no The New York Times.

21 Junho, 2010 at 2:22 pm Deixe um comentário

Mundial 2010 – Resultados e Classificações – 1ª

GRUPO A        Jg  V  E  D   G  Pt  África Sul-México.....1-1
África Sul África Sul  1  -  1  -  1-1  1  Uruguai-França........0-0
México     México  1  -  1  -  1-1  1  África Sul-Uruguai....---
França     França  1  -  1  -  0-0  1  França-México.........---
Uruguai    Uruguai  1  -  1  -  0-0  1  França-África Sul.....---
                                    México-Uruguai........---

GRUPO B        Jg  V  E  D   G  Pt  Argentina-Nigéria.....1-0
Coreia Sul Coreia Sul  1  1  -  -  2-0  3  Coreia Sul-Grécia.....2-0
Argentina  Argentina  1  1  -  -  1-0  3  Grécia-Nigéria........---
Nigéria    Nigéria  1  -  -  1  0-1  -  Argentina-Coreia Sul..---
Grécia     Grécia  1  -  -  1  0-2  -  Nigéria-Coreia Sul....---
                                    Grécia-Argentina......---

GRUPO C        Jg  V  E  D   G  Pt  Inglaterra-EUA........1-1
Eslovénia  Eslovénia  1  1  -  -  1-0  3  Argélia-Eslovénia.....0-1
EUA        EUA  1  -  1  -  1-1  1  Eslovénia-EUA.........---
Inglaterra Inglaterra  1  -  1  -  1-1  1  Inglaterra-Argélia....---
Argélia    Argélia  1  -  -  1  0-1  -  Eslovénia-Inglaterra..---
                                    EUA-Argélia...........---

GRUPO D        Jg  V  E  D   G  Pt  Alemanha-Austrália....4-0
Alemanha   Alemanha  1  1  -  -  4-0  3  Sérvia-Gana...........0-1
Gana       Gana  1  1  -  -  1-0  3  Alemanha-Sérvia.......---
Sérvia     Sérvia  1  -  -  1  0-1  -  Gana-Austrália........---
Austrália  Austrália  1  -  -  1  0-4  -  Gana-Alemanha.........---
                                    Austrália-Sérvia......---

GRUPO E        Jg  V  E  D   G  Pt  Holanda-Dinamarca.....2-0
Holanda    Holanda  1  1  -  -  2-0  3  Japão-Camarões........1-0
Japão      Japão  1  1  -  -  1-0  3  Holanda-Japão.........---
Camarões   Camarões  1  -  -  1  0-1  -  Camarões-Dinamarca....---
Dinamarca  Dinamarca  1  -  -  1  0-2  -  Dinamarca-Japão.......---
                                    Camarões-Holanda......---

GRUPO F        Jg  V  E  D   G  Pt  Itália-Paraguai.......1-1
Eslováquia Eslováquia  1  -  1  -  1-1  1  N.Zelândia-Eslováquia.1-1
Itália     Itália  1  -  1  -  1-1  1  Eslováquia-Paraguai...---
N.Zelândia N. Zelândia  1  -  1  -  1-1  1  Itália-N.Zelândia.....---
Paraguai   Paraguai  1  -  1  -  1-1  1  Eslováquia-Itália.....---
                                    Paraguai-N.Zelândia...---

GRUPO G        Jg  V  E  D   G  Pt  Costa Marfim-Portugal.0-0
Brasil     Brasil  1  1  -  -  2-1  3  Brasil-Coreia Norte...2-1
C. Marfim  Costa Marfim  1  -  1  -  0-0  1  Brasil-Costa Marfim...---
Portugal   Portugal  1  -  1  -  0-0  1  Portugal-Coreia Norte.---
Cor. Norte Coreia Norte  1  -  -  1  1-2  -  Portugal-Brasil.......---
                                    Cor.Norte-C.Marfim....---

GRUPO H        Jg  V  E  D   G  Pt  Honduras-Chile........0-1
Chile      Chile  1  1  -  -  1-0  3  Espanha-Suíça.........0-1
Suíça      Suíça  1  1  -  -  1-0  3  Chile-Suíça...........---
Espanha    Espanha  1  -  -  1  0-1  -  Espanha-Honduras......---
Honduras   Honduras  1  -  -  1  0-1  -  Chile-Espanha.........---
                                    Suíça-Honduras........---

Marcadores (1ª Jornada) – Siphiwe Tshabalala (África Sul), Rafael Márquez (México), Lee Jung-Soo (Coreia Sul), Park Ji-Sung (Coreia Sul), Gabriel Heinze (Argentina), Steven Gerrard (Inglaterra), Clint Dempsey (EUA), Robert Koren (Eslovénia), Asamoah Gyan (Gana), Lukas Podolski (Alemanha), Miroslav Klose (Alemanha), Thomas Müller (Alemanha), Cacau (Alemanha), Daniel Agger (Dinamarca – p.b., a favor da Holanda), Dirk Kuyt (Holanda), Keisuke Honda (Japão), Antolin Alcaraz (Paraguai), Daniele De Rossi (Itália), Robert Vittek (Eslováquia), Winston Reid (N. Zelândia), Maicon (Brasil), Elano (Brasil), Ji Yun-Nam (Coreia Norte), Jean Beausejour (Chile) e Gelson Fernandes (Suíça)

16 Junho, 2010 at 4:53 pm Deixe um comentário

Mundial 2010 – Portugal – Costa do Marfim

Portugal Costa do Marfim 0-0

Portugal Eduardo, Paulo Ferreira, Bruno Alves, Ricardo Carvalho, Fábio Coentrão, Pedro Mendes, Deco (62m – Tiago), Raul Meireles (85m – Ruben Amorim), Cristiano Ronaldo, Danny (55m – Simão Sabrosa) e Liedson

Costa do Marfim Boubacar Barry, Guy Demel, Kolo Touré, Didier Zokora, Siaka Tiene, Yaya Touré, Emmanuel Eboué (89m – Romaric), Cheik Ismael Tiote, Gervinho (82m – Abdelkader Keita), Salomon Kalou (66m – Didier Drogba) e Aruna Dindane


(foto Diário de Notícias)

Ao 13º jogo do Mundial, a selecção de Portugal entrou finalmente em campo, num jogo que não fugiria à toada geral da prova – pelo menos até agora, nesta jornada inaugural, de grande contenção e risco mínimo, em que se registou o sexto empate.

O momento de maior emoção no decurso da primeira parte surgiria logo aos 11 minutos, com um remate de Cristiano Ronaldo a embater com estrondo no poste, para, à passagem dos 23 minutos, ser a Costa do Marfim a criar perigo, com Gervinho a ganhar um ressalto já dentro da área, mas, no último momento, um defesa português conseguiria aliviar.

O jogo apresentava-se repartido, com Portugal a procurar estruturar as suas jogadas ofensivas, enquanto a Costa do Marfim privilegiava a velocidade do contra-ataque, ao mesmo tempo que se fazia impor o poder físico e de choque na equipa marfinense, com os portugueses a denotarem dificuldade em penetrar no meio-campo contrário, a verem-se obrigados a jogar para trás, não conseguindo abrir o jogo, actuando praticamente sem extremos, jogando muito pelo faixa central do terreno, zona em que os adversários têm maior facilidade em garantir as marcações.

Não obstante o maior tempo de posse de bola de Portugal (56 %) no final da primeira meia-hora de jogo, a equipa da Costa do Marfim começara a ganhar algum predomínio já desde os 25 minutos.

Numa partida sem grandes ocasiões de perigo junto das balizas – com o jogo a ser disputado muito longe das grandes áreas, os guarda-redes teriam de intervir de forma mais afincada apenas por uma vez, em ambos os casos em antecipação aos avançados -, a maior oportunidade da equipa marfinense surgiria aos 42 minutos, com uma série de trocas de bola dentro da área portuguesa, a ver jogar, culminando num canto, que não teria consequências. A Costa do Marfim acabava a primeira parte a controlar o jogo…

E regressaria prometendo, logo a abrir o segundo tempo, uma toada de maior dinamismo, com acção junto da baliza de Eduardo, ganhando novo canto.

Portugal respondia, aos 50 minutos, com uma descida até à baliza adversária, num lance com algum aparato, mas inconsequente. E, mais três minutos, volvidos, quase consecutivamente, duas boas iniciativas da equipa da Costa do Marfim, dentro da área portuguesa, numa delas com Eduardo a ser chamado a mostrar a sua concentração no jogo.

Aos 57 minutos, uma das melhores jogadas da partida, com Deco a chegar até à linha do fundo, do lado esquerdo, cruzando para a cabeça de Liedson, num remate de fácil defesa. No minuto imediato, Gervinho imitaria Deco e, ainda mais dois minutos, surgiria nova ofensiva marfinense, com novo canto e um remate de cabeça a levar algum perigo. à passagem da hora de jogo, o encontro parecia então querer animar, ganhando maior ritmo.

Aos 67 minutos a equipa portuguesa ensaiava uma naturalmente desaconselhável jogada de filigrana por entre os poderosos centrais da defesa adversária, condenada ao insucesso. Cinco minutos decorridos, a bola chegaria a entrar na baliza da Costa do Marfim, mas o árbitro havia já interrompido o jogo, sancionando falta. Cristiano Ronaldo, com uma exibição algo apagada, parecia começar a estar mais em jogo, surgindo também Liedson.

Com 78 minutos de jogo, Raul Meireles teria então um primeiro ensaio de remate de meia-distância, ligeiramente ao lado da baliza contrária.

De forma simétrica à evolução registada na primeira parte, Portugal parecia surgir agora mais forte, na fase final da partida. Já com 80 minutos, Ronaldo teria então ensejo de marcar um livre “ao seu jeito”, mas a bola sairia sem a melhor direcção.

Até final do encontro – à excepção do período de compensação (3 minutos), em que haveria ainda tempo para dois grandes “sustos” na pequena área portuguesa -, a iniciativa e o “sinal mais” continuara a ser da equipa portuguesa, mas sem resultados práticos.

Num encontro tão repartido, sem domínio claro de qualquer das equipas, o empate é não só o resultado mais ajustado, como o desfecho quase inevitável da postura adoptada por ambos os conjuntos.

Melhor jogador – Cristiano Ronaldo

Amarelos – Didier Zokora (7m) e Guy Demel (21m); Cristiano Ronaldo (21m)

Árbitro – Jorge Larrionda (Uruguai)

Port Elizabeth (15h00)

(ver fotos do Estadão)

O jogo visto no Twitter, numa extraordinária infografia animada do The Guardian.

15 Junho, 2010 at 4:50 pm Deixe um comentário

Campeonato do Mundo de Futebol 2010 – Calendário

(Infografia Marca – horários de Espanha; uma hora a menos em Portugal)

11 Junho, 2010 at 8:32 am Deixe um comentário

Mundial 2010 – Infografia Expresso


Muito bom!

(infografia publicada no Expresso)

4 Junho, 2010 at 10:31 pm Deixe um comentário

Onde actuam os 736 jogadores do Mundial 2010


(infografia publicada no Estadão)

4 Junho, 2010 at 4:21 pm Deixe um comentário

Artigos mais recentes


Autor – Contacto

Destaques

Literatura de Viagens e os Descobrimentos Tomar - História e Actualidade União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Abril 2019
S T Q Q S S D
« Mar    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Arquivos

Pulsar dos Diários Virtuais

O Pulsar dos Diários Virtuais em Portugal

O que é a memória?

Memória - TagCloud

Jogos Olímpicos

Eleições EUA 2008

Twitter

Categorias

Notas importantes

1. Este “blogue" tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular páginas na Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de comunicação social, que nem sempre será viável citar ou referenciar.

Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo o favor de me contactar via e-mail (ver no topo desta coluna), na sequência do que procederei à sua imediata remoção.

2. Os comentários expressos neste "blogue" vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste "blogue", pelo que publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo.

Reservo-me também o direito de eliminar comentários que possa considerar difamatórios, ofensivos, caluniosos ou prejudiciais a terceiros; textos de carácter promocional poderão ser também excluídos.